Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Comprar um apartamento para morar é um passo importante a ser dado por uma família, especialmente quando essa engloba um grande número de pessoas. Mesmo quem pensa em alugar um imóvel sabe que essa não é uma operação feita com frequência e que, portanto, exige reflexão e cautela antes de qualquer decisão.

Como deve ser um apartamento para família grande?

É fato que cada família tem necessidades e preferências distintas das demais e isso interfere na busca do apartamento ideal. Porém, quando falamos de grupos familiares grandes ou de casais que planejam muitos filhos, o modelo mais valorizado sempre será o que oferece segurança em primeiro lugar.

Se você faz parte de uma família com essas características, deve ter em mente que o apartamento precisa dispor de espaço suficiente para acomodar todos os integrantes com conforto. Por exemplo: quem tem planos de aumentar a família não pode se contentar com um apartamento compacto, pois é bem provável que ele fique apertado.

A fim de evitar arrependimentos futuros, o casal deve sempre discutir as expectativas que têm de curto e longo prazo e só então partir para a pesquisa de opções.

O que avaliar na busca do apartamento?

Quem tem família grande ou já conta com a certeza de que terá novos herdeiros no futuro, tem uma vantagem na busca do apartamento ideal. Isso porque o casal com mais filhos já sabe que precisa de um tipo de imóvel específico, fato que facilita o filtro na hora da pesquisa e aumenta as chances de acerto. Alguns pontos importantes a avaliar:

Localização e entorno

Uma localização segura e próxima dos melhores estabelecimentos sempre é positiva, mas para uma família grande ela é essencial. Pense no conforto quando for se deslocar com seus filhos e também na segurança dos pequenos quando estiverem fora de casa.

Procure um bairro tranquilo e que tenha fácil acesso a bancos, farmácias, mercados, escolinhas e hospitais. Além da região, observe o entorno do apartamento e converse com a vizinhança sobre a movimentação e costumes do local. Atente-se também para o fluxo de veículos na rua e para a condição das calçadas e da sinalização urbana.

Acesso e garagem

Como é feito o acesso ao edifício? Existe mais de uma entrada ou é somente pela portaria e garagem? São questionamentos importantes a serem feitos por quem vai se mudar com uma família grande; afinal, quanto maior o número de pessoas, maior a necessidade de observação.

São muitos os prédios que contam com serviço de portaria para o controle de acesso de moradores, o que é valioso quando se tem crianças pequenas. Se a família tem carro próprio, deve atentar-se também para a quantidade de vagas disponíveis no edifício, bem como a visibilidade e iluminação dos portões da garagem durante a noite.

Áreas de lazer disponíveis

Crianças gostam de diversão e precisam de espaço para todas as suas brincadeiras. Por esse motivo, é interessante verificar se o prédio avaliado tem alguma área destinada às atividades de lazer. Hoje, é possível encontrar empreendimentos com piscina, academia, jardim e playground para crianças pequenas.

Se o imóvel não contar com tanta variedade, vale conferir se o próprio bairro ou quarteirão onde se localiza não oferece um parque seguro para o passeio de famílias com crianças. Algumas praças públicas ainda contam com brinquedos e mobiliário urbano completo, e encontrar uma delas perto do apartamento pode ser vantajoso.

Quantidade de cômodos

No apartamento, as áreas sociais como sala e cozinha devem ter tamanho suficiente para abrigar toda a família e possíveis visitantes. Já as áreas íntimas precisam ser pensadas de acordo com a necessidade de cada membro do grupo familiar.

É comum que alguns pais dediquem um único quarto para dois filhos ou mais, porém, essa escolha pode gerar conflitos quando os pequenos chegarem à adolescência.

Para evitar desconforto, o ideal é garantir pelo menos um quarto para cada filho e um para o casal. Dispor de mais de um banheiro também é uma forma de trazer praticidade e organização à rotina familiar. Além da quantidade de quartos, verifique também o tamanho deles para saber se terão condições de abrigar todos os pertences.

Andar e posição

Famílias que valorizam a tranquilidade devem optar por apartamentos localizados em andares mais altos, já que ficam distantes dos ruídos da cidade. Além de garantir uma vista privilegiada, essa escolha também diminui o contato da residência com a poeira e resíduos liberados pelos automóveis.

Outro ponto a ser observado é a posição da unidade dentro do edifício. No Brasil, as aberturas voltadas para o sentido norte são ideais porque recebem sol durante todo o dia. Se não tiver essa opção no edifício, priorize as faces leste e oeste. As unidades voltadas para o sul devem ser evitadas porque costumam ser mais úmidas e frias, o que contribui com o surgimento de doenças respiratórias e alergias nas crianças.

Itens de segurança

Mais do que pensar em tranquilidade no bairro e nas ruas, é importante considerar também a segurança dentro do próprio edifício e apartamento da família. Nas áreas de uso comum do prédio, observe se há cercas de proteção em locais como piscina, fontes, depósitos, acesso de garagem e casa de máquinas.

A unidade residencial também deve ser equipada com itens de segurança, como protetores de tomada, cercas de proteção nas janelas, corrimãos nas escadas e grades nas sacadas e varandas. Se preferir, faça um levantamento dos pontos que necessitam de alguma reforma para adaptação e garanta uma mudança mais tranquila e sem medo.

Quem conhece os principais pontos a considerar na avaliação do imóvel tem mais chances de acertar na escolha de um empreendimento que se encaixe no orçamento e desejos da família. Agora, exercite a calma e não feche negócio por impulso, pois só com muita pesquisa é que poderá encontrar o apartamento para família grande ideal.

Já se sente preparado para buscar a melhor opção de apartamento? Curta o GI no Facebook e acompanhe mais dicas sobre o assunto!


Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.