Por Wallace Nascimento, para o TechTudo

18/01/2019 06h20 Atualizado 2019-01-18T08:20:41.360Z

O Moto G5S Plus figurou entre os celulares mais buscados de 2018, segundo levantamento do Buscapé feito com exclusividade para o TechTudo. Mesmo um ano após o lançamento, em agosto de 2017, o smartphone da Motorola ainda traz recursos interessantes, como a tela Full HD e TV Digital. Atualmente, o preço gira em torno de R$ 1.000, mais baixo do que os R$ 1.499 cobrados enquanto ainda era novidade por aqui. Nas linhas abaixo, descubra pontos positivos e negativos do telefone.

PONTOS POSITIVOS

1. Tela com resolução Full HD

Apesar de não contar com display de bordas finas, como a maioria dos celulares atuais, a tela do Moto G5S Plus não deve decepcionar. O painel IPS LCD de 5,5 polegadas reproduz imagens em resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), entregando a boa densidade de 424 pixels por polegada (ppi).

Na prática, isso significa que o display do smartphone deve exibir figuras com boa definição e riqueza de detalhes

2. TV Digital

A TV Digital é um recurso que se tornou raro nos smartphones atuais, porém é valorizado por parcela dos consumidores. O Moto G5S Plus possibilita assistir a todos os canais abertos brasileiros em alta definição (a depender da região) sem depender de internet.

Vale lembrar que o aparelho ainda grava os programas.

3. Processador de oito núcleos

O Moto G5S Plus traz um processador que ainda está no nível dos intermediários atuais, o Snapdragon 625. Com oito núcleos que podem chegar a 2 GHz de velocidade, o chip é acompanhado pela memória RAM de 3 GB. A expectativa é de que o conjunto resulte em bom desempenho nos apps do dia a dia.

4. OneNav

Com leitor de impressões digitais na parte frontal, o Moto G5 Plus conta com um recurso especial chamado de OneNav. Sendo assim, é possível utilizar gestos com o dedo, no próprio leitor, para voltar à tela anterior ou acionar o painel multitarefa. O sensor também faz as vezes de botão home, levando o usuário à tela inicial com apenas um toque.

PONTOS NEGATIVOS

1. Câmeras básicas

O Moto G5S Plus utiliza sistema de câmera dupla na traseira, mas as fotografias não devem impressionar durante as fotos noturnas. Isso porque os dois sensores têm 13 megapixels de resolução e abertura de lente f/2.0, pouco indicada para ambientes escuros.

Na câmera frontal, as especificações são inferiores: a lente tem abertura de f/2.2 e tira fotos com 8 megapixels.

2. Atualização do Android

O Moto G5S Plus recebeu a atualização oficial da Motorola para o Android 8 (Oreo) no ano passado. Diferentemente dos modelos atuais da família Moto G (Moto G6 e Moto G6 Plus), o smartphone não deve ganhar o Android 9 (Pie), já confirmado para os

... modelos novos.

3. Slot híbrido de cartão SIM e microSD

Assim como a maioria dos smartphones com Android atuais, o Moto G5S Plus conta com a possibilidade de usar dois SIM cards de operadora (dual chip). O problema é que a fabricante decidiu utilizar um slot híbrido, que comporta tanto o chip quanto o cartão de memória microSD.

Na prática, isso significa que, caso o usuário decida utilizar dois chips ao mesmo tempo, ele automaticamente fica impossibilitado de usar cartão de memória. E, ao utilizar o microSD, poderá usar somente um chip.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.