Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

A luta contra o IPTV Pirata está inegavelmente a subir de tom, como temos tido oportunidade de ver nos últimos dias. Dito isto, existe agora uma nova campanha a afirmar que visitar sites com conteúdo relacionado com pirataria poderá resultar na exposição de passwords, fotografias, entre outros dados pessoas que poderão ser utilizados para arruinar as vidas das pessoas.



Estamos a falar de uma tática que começa a ganhar alguma força um pouco por todo o mundo. Mas será que está a ter algum resultado?



Como é óbvio, qualquer pessoa que faça da criação de conteúdo multimédia a sua vida, tem a opção de o tentar proteger a todo o custo. É o seu trabalho, o seu investimento, e por isso devem receber todos os cêntimos que realmente merecem.

Contudo, como deve saber, apesar da maioria das pessoas ter a noção do que acabei de dizer. A verdade é que é mesmo muito fácil meter as mãos em conteúdo deste tipo sem pagar um tusto. Por isso, o mundo do entretenimento tenta fazer sempre tudo o que consegue (e por vezes não consegue) para evitar que a pirataria ande para a frente.

É devido a isso que por vezes vemos algumas campanhas anti-pirataria, na forma de vídeos, trailers e clips. Seja na TV, cinema ou até nos serviços de subscrição. A ideia é apresentar um pequeno vídeo que consiga chocar quem o vê.

Ainda se lembra do clássico vídeo “Iria fazer download de um carro? (Epá… Sim, fazia!)

No entanto, nos últimos anos, temos visto novos esforços com o grande objetivo de afastar as pessoas da pirataria. No entanto, já estamos a falar de um nível um pouco estranho e no fundo pouco ético. Visto que a verdade fica num meio um bocado cinzento, de forma a que o mundo multimédia consiga atingir os seus fins.

Ora veja o que a nova campanha Australiana diz:

“Aceder a sites pirata para fazer download de filmes ou séries de TV expõe os seus dados financeiros, dados médicos, fotos e muito mais a criminosos. Ou seja, não só a pirataria é ilegal, como também poderá acabar vítima do seu próprio crime. Será que vale a pena?”

Em suma, o novo objetivo é passar a ideia que entrar num site pirata, irá automaticamente oferecer toda a sua informação pessoal a ‘hackers’. O que claro está, é uma perfeita mentira.

Sim, é verdade que alguns destes sites podem contar com anúncios incrivelmente chatos e horríveis. Sim, também é verdade que poderá existir algum tipo de malware nos downloads. Mas chantagem e roubo de identidade é um mundo completamente novo, que nenhum site ‘normal’ de pirataria quer estar envolvido com.

Conclusão

Não existe nada de errado com as campanhas anti-pirataria! Desde que sejam sinceras e tratem das coisas como deve de ser. Não faz sentido assustar as pessoas só porque sim. Os fins não justificam os meios.


(IPTV Pirata) – Temos uma nova tática assustadora! Está com medo? – Ademais, o que pensa sobre tudo isto? Partilhe connosco a sua opinião nos comentários em baixo.

Fonte

Acompanhe ao minuto as últimas noticias de tecnologia. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram! Quer falar connosco? Envie um email para geral@l.pt.


Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.