A Xiaomi anunciou nesta quinta-feira (04) a chegada do celular Redmi Note 10. Além dele, os modelos Redmi Note 10S, Redmi Note 10 5G e Redmi Note 10 Pro terão distribuição global. Eles trazem na ficha técnica múltiplas câmeras, bateria de 5.000 mAh e painel AMOLED, considerado mais moderno. Também rodam Android 11.

O Redmi Note 10 custa US$ 199 (cerca de R$ 1.130 em conversão direta), enquanto o Redmi Note 10S tem cifras a partir de US$ 229 (R$ 1.300). O Redmi Note 10 5G pode ser encontrado por US$ 199 (R$ 1.130). Por fim, o modelo Pro será comercializado por preços a partir de US$ 279 (R$ 1.580).

Redmi Note 10

O Redmi Note 10 chega ao mercado com tela de 6,4 polegadas e painel AMOLED. O display conta com resolução de 2400 x 1080 pixels e é revestido por Gorilla Glass 3. O conjunto fotográfico é quádruplo e traz um sensor principal de 48 MP e ultra wide de 8 MP, além uma macro e um sensor de profundidade, ambos com 2 MP. O celular reserva 13 MP para selfies.

A estrutura traz leitor de impressão digital na lateral e certificação IP53 de resistência à água e poeira. Quanto às outras especificações, vale dizer que a capacidade da bateria é de 5.000 mAh, com promessa de um dia longe das tomadas. O smartphone acompanha carregador de 33W.

O chipset usado no celular é o Snapdragon 678, que trabalha em conjunto com memória RAM de 4 GB ou 6 GB. O armazenamento pode variar entre 64 GB e 128 GB, e pode ser expandido via cartão de memória de até 512 GB.

Redmi Note 10S

O Redmi Note 10S também conta com uma tela 6,4 polegadas, painel AMOLED e resolução de 2400 x 1080 pixels. A estrutura traz Corning Gorilla Glass 3 na parte da frente e proteção IP53 contra respingos e poeira. A câmera, também com quatro lentes, dessa vez tem sensores de 64 MP (principal), 8 MP (ultra wide), 2 MP (macro) e 2 MP (profundidade).

Detalhes como a bateria de 5.000 mAh e a compatibilidade com carregamento rápido de 33W também se repetem nesta versão. As mudanças ficam por conta do processador e do armazenamento. O chipset usado no Redmi Note 10S é o MediaTek Helio G95 e o espaço para dados conta com duas opções: 64 GB e 128 GB. A memória RAM dispõe de 6 GB, mas há ainda uma versão de 8 GB.

Redmi Note 10 5G

Nessa versão, o aparelho traz um painel LCD com taxa de atualização adaptável que vai até 90 Hz. São 6,5 polegadas com resolução de 2400 x 1080 pixels, com display revestido pelo Corning Gorilla Glass 3.

O arranjo fotográfico do Redmi Note 10 5G é reduzido a três câmeras com sensores de 48 MP (principal), 2 MP (macro) e 2 MP (profundidade). Diferentemente dos dois modelos acima, a câmera frontal tira fotos de 8 MP. A bateria é de 5.000 mAh e o carregador incluído tem potência de 22,5W.

O diferencial deste produto é a conexão 5G, visto que as versões 10 e 10S contam apenas com internet 4G. Por fim, vale dizer que outra especificação presente na ficha técnica em termos de conectividade é o NFC.

Redmi Note 10 Pro

O Redmi Note 10 Pro traz uma tela de 6,6 polegadas com painel AMOLED e taxa de atualização de 120 Hz. Dessa vez, o revestimento do painel é composto de Corning Gorilla Glass 5 e conta com

... certificação IP51 contra respingos e poeira.

A câmera quádrupla tira fotos de até 108 MP, enquanto o sensor frontal registra selfies de 16 MP.

A bateria do aparelho é de 5.020 mAh e o carregador é de 33W. A rede utilizada é a 4G e o smartphone conta com suporte ao NFC. Em termos de processador, o Redmi Note 10 Pro traz o Snapdragon 732G, que opera em conjunto com uma memória RAM de 6 ou 8 GB. Por fim, vale dizer que o armazenamento é de 64 GB ou 128 GB, mas conta com suporte para cartão microSD de até 512 GB.

Com informações de XDA Developers



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.