A Nvidia emitiu uma redomendação aos donos do tablet Shield para que parem de utilizá-lo imediatamente. O motivo é que uma das duas baterias usadas na fabricação do dispositivo apresenta risco de superaquecimento e incêndio. Em virtude do problema, a Nvidia deu início a um recall para substituir os tablets.

Xperia C4 Selfie Dual chega às lojas brasileiras; saiba preço

Algumas verões do tablet da Nvidia oferecem riscos de superaquecimento e pode pegar fogo; saiba se o seu tablet é afetado pelo problema (Foto: Divulgação/Nvidia)

Segundo a Nvidia, todos os modelos do Shield com a bateria do tipo Y01 serão substituídos. Para saber se o seu tablet oferece risco, basta ir nas configurações do Android, escolher a opção Sobre o Tablet (“About tablet”, se estiver em inglês), navegue até Status, e escolha Bateria (“Battery”).

Na janela que será aberta, será possível ver o modelo da bateria do seu tablet. Shields com a bateria modelo B01 estão fora de risco e não fazem parte do recall. Pelo contrário, modelos com a bateria Y01 podem superaquecer e pegar fogo.

Uma vez na tela com a informação sobre a bateria, o usuário deve tocar no campo que contem “Y01” para incializar a aplicação que orienta o processo de recall. Depois disso, o usuário deverá receber uma notificação, com dados referentes ao dispositivo, e um campo que deverá ser preenchido com um código obtido num formulário online.

No documento que dá início ao processo é possível selecionar o Brasil como país de residência, o que sinaliza que usuários brasileiros estarão cobertos pelo recall. As despesas são por conta da Nvidia, que instrui os usuários para fazerem backup de todos os seus dados antes de enviarem o aparelho.

Qual é o melhor processador para tablet? Opine no Fórum do TechTudo

De acordo com a Nvidia, esse problema afeta tablets vendidos entre julho de 2014 e julho de 2015. Embora o recall seja considerado voluntário, a recomendação para usuários que tenham versões com a bateria Y01, afetada pelo problema, interrompam o uso do tablet imediatamente para evitar acidentes. A fabricante promete que todos os Shield afetados serão substituídos.

É possível verificar o modelo da bateria do Shield nas configurações do Android. Versões com bateria Y01 of
... erecem riscos (Foto: Reprodução/Nvidia)

O Nvidia Shield, lançado em 2014, é um tablet de oito polegadas e com hardware bastante poderoso. Construido em torno do chipset Tegra K1, da própria Nvidia, o Shield se destaca com alta performance em games, graças à poderosa GPU Kepler de 192 núcleos CUDA. Com versões de 32 e 16 GB, o aparelho tem slot para cartão microSD, tela Full HD e saída micro HDMI.

Via Nvidia, Engadget, CNN e Eurogamer



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.