A Apple pode levar o carregamento sem fio para iPhones e iPads já em 2017. A fabricante estaria desenvolvendo uma nova tecnologia capaz de alimentar a bateria do celular a uma distância maior do que a de outros carregadores wireless. O rumor foi publicado pela revista americana Bloomberg, na sexta-feira (29).
iPhone 7 Plus terá câmera dupla, segundo analista Segundo a publicação, o novo carregador da companhia seria produzido em uma parceria entre Estados Unidos e países da Ásia. A novidade, apesar de animadora, não deve chegar para o iPhone 7 e o iPhone 7 Plus, smartphones com lançamento previsto para setembro de 2016. 
Sucessores do iPhone 6 podem vir com carregador sem fio (Foto: Luana Marfim/TechTudo)
A implementação do projeto, no entanto, passa por obstáculos tecnológicos. A eficiência de transferência de energia diminui à medida que a distância entre transmissor e receptor cresce. Isso significa que a bateria demora mais tempo para carregar, o que pode gerar frustração entre os consumidores.
Download grátis o app do TechTudo: dicas e notícias de tecnologia no seu Android ou iPhone O método em estudo pela Apple não foi informado, mas a fabricante já registrou vários pedidos de patente sobre carregamento sem fio. Um dos conceitos mais comentados é o que usa um computador Mac como hub para carregar telefones a uma distância de 1 metro. O procedimento teria base na técnica conhecida como ressonância magnética em campo próximo.
Smarphones top de linha rivais, como Galaxy S6, suportam carregamento sem fio (Foto: Divulgação/Samsung)
O novo recurso pode impulsionar as vendas dos próximos iPhones e iPads, que representam mais de três quartos da receita da Apple. O mercado de celulares tops de linha já conta com carregamento sem fio, graças a empresas como Samsung, Sony e Google, no...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.