O WhatsApp conquistou o Brasil. E o Brasil reinventou a ferramenta,
que hoje é usada para praticamente tudo: desde entregar cervejas até a
venda de imóveis (isso mesmo!). Os curiosos rumos do serviço no Brasil
viraram tema de uma palestra no South by Southwest (SxSW), realizado em
Austin, no Texas, entre 10 e 15 de março. E, segundo a autora do estudo,
Fernanda Saboia, Estrategista de Produto Senior na agência Huge, o
aplicativo reina soberano - mas já convive com a sombra de um perigoso
rival: o Snapchat.
Como ler mensagens do WhatsApp sem ser visto online
Mas,
afinal, como o programinha encanta tanta gente mundo afora? A resposta
parece óbvia: tem texto, tem voz, tem ligações telefônicas, dá para
mandar fotos, PDF, é seguro, não tem custo e não precisa de ninguém para
administrar. Território perfeito para as ideias novas. "O usuário
brasileiro de WhatsApp é o mais criativo em trazer soluções que ninguém
mais tinha pensado. Nós aprendemos que donos de pequenos negócios tendem
a utilizar soluções que usam em suas vidas pessoais para seus
trabalhos", diz Fernanda Saboia.
Uso do WhatsApp foi tema de palestra no South by Southwest (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)
E
quem ainda não viu aquela loja que, em vez do ícone do telefone, já
estampa o balãozinho verde do Whats? E aquele cartão de visita, só com
os números do mensageiro? Enquanto "me adiciona no Zap" virava bordão
obrigatório por aqui, até agências governamentais e serviços públicos <...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.