A Asus fez sua estreia no mercado de smartphones no Brasil em outubro de 2014 com o Zenfone 5. O celular chamou bastante atenção devido ao seu desempenho e pelo preço de lançamento (na casa dos R$ 599), que na época acirrou ainda mais a disputa pelo segmento intermediário, dominado pelo Moto G.

Dicas de como usar o Zenfone 5 ajudam a turbinar o celular

Tentando manter o sucesso do Zenfone 5, a fabricante taiwanesa lançou noa no seguinte o Zenfone Go. O smartphone trouxe pequenas mudanças em relação ao irmão mais velho. O preço, por sua vez, saltou para R$ 979, de acordo com a loja oficial da Asus. Neste artigo você fica sabendo o que mudou nos telefones da fabricante taiwanesa por menos de R$ 1.000.

Traseira do Zenfone 5 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Traseira do Zenfone 5 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

Design

O Zenfone 5 traz algumas características que dividem a opinião dos usuários. A começar pelo aproveitamento do espaço frontal do dispositivo. Isso acontece por conta das bordas que excedem a tela, deixando o smartphone muito mais largo do que deveria. O aparelho mede 14,82 cm de altura por 7,28 cm de largura. Para comparação, o Moto X, que tem uma tela maior, mede muito menos que o aparelho da Asus, com display de 5 polegadas.

Na parte inferior, o dispositivo traz um detalhe em aço escovado que tenta dar um ar de sofisticação ao aparelho. A traseira é confeccionada em plástico emborrachado e conta com uma curvatura para facilitar a “pegada”. Por conta dessa curvatura, o aparelho é um pouco mais grosso, chegando a medir 1,03 cm na parte côncava. A boa notícia é que todo esse tamanho extra não se refletiu no peso do aparelho. O Zenfone 5 pesa apenas 145 g.

Zenfone Go tem bordas mais finas (Foto: Leonardo Ávila/TechTudo)Zenfone Go tem bordas mais finas (Foto: Leonardo Ávila/TechTudo)

Já com o Zenfone Go, a Asus ouviu a reclamação dos usuários e fez uma leve alteração – que fez toda a diferença – no design do dispositivo. O aparelho, apesar de contar com a mesma tela de 5 polegadas, agora traz um aproveitamento melhor, já que as bordas são mais finas. Com isso, o smartphone mais novo diminuiu de tamanho, medindo 14,45 cm de altura e 7,1 cm de largura.

O dispositivo herdou a parte inferior em alumínio, além da traseira em policarbonato emborrachado. O Zenfone Go também manteve a curvatura, entretanto, por conta das medidas mais enxutas, a grossura na parte côncova reduziu levemente, passando para 1,0 cm. O peso também é consideravelmente menor, apenas 135 gramas.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

A fabricante taiwanesa também inseriu alguns retoques pontuais. O Zenfone Go traz um luz por LED de notificação na parte frontal, agora junto à saída de áudio, e os botões laterais de energia e volume ganharam uma textura diferenciada.

Outra novidade está no acesso à bateria. Enquanto no Zenfone 5 a retirada da tampa traseira dava acesso apenas aos slots para chip de telefonia (ele é Dual SIM), no Zenfone Go t

... ambém é possível remover a bateria do aparelho.

Especificações técnicas

Se muita gente considerou o design do Zenfone 5 de gosto duvidoso, é no desempenho que o aparelho se sobressai.

Zenfone 5 traz processador Intel (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Zenfone 5 traz processador Intel (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

O dispositivo está disponível em duas versões de processadores fabricados pela Intel: Atom Z2520 de 1,2 GHz e Z2560 de 1,6 GHz. Somados aos 2 GB de RAM e a GPU PowerVR, o modelo promete não decepcionar no uso diário, seja na navegação e abertura de aplicativos simultâneos.

O Zenfone 5 traz opções com 8 GB de armazenamento interno para o modelo com processador Atom de 1,2 GHz e até 16 GB para a versão mais potente. Todos possuem slot para microSD.

Já a bateria do Zenfone 5 é uma das principais reclamações. Com o uso diário, os 2.110 mAh sofrem com a drenagem desgovernada, e o modelo que prometia 11 horas de funcionamento contínuo pode durar apenas 6 horas ou menos. Esse problema pode ser ainda pior com a atualização para o Android Lollipop.

Zenfone Go (Foto: Leonardo Ávilla/TechTudo)Zenfone Go traz chip Mediatek (Foto: Leonardo Ávilla/TechTudo)

Já o Zenfone Go traz um processador mais fraco que o do antecessor, o que fez com que muita gente não considerasse o aparelho uma evolução do Zenfone 5. Mas tudo foi por uma boa causa.

O dispositivo traz o SoC Mediatek MT6580, processador quad-core que opera a até 1,3 GHz. A empresa optou por manter a mesma quantidade de memória RAM (2 GB). A GPU é a Mali-400.

O modelo tem apenas versões com memória interna com 16 GB de capacidade e, assim como o seu irmão mais velho, também traz slot para MicroSD de até 64 GB.

O Go perde para o Zenfone 5 em testes de bechmark, mas a diferença de desempenho deve ser percebida apenas pelos usuários mais exigentes, principalmente em jogos que necessitam de uma qualidade gráfica mais apurada.

Já em relação à bateria, a Asus ouviu os fãs da marca e trouxe uma autonomia mais eficiente. Apesar de ter uma capacidade menor, com apenas 2.070 mAh, o dispositivo consegue passar mais tempo fora da tomada – a empresa promete o dobro de autonomia em relação ao Zenfone 5. O responsável direto é o processado MediaTek, que consome menos energia do que os chips da Intel.

Um ponto que pesa contra os dois smartphones é não ter compatibilidade com redes 4G. Mesmo o Zenfone 5, lançado em outubro de 2015, conecta-se apenas por 3G.

Tela

Em relação à tela, a Asus optou por manter a mesma configuração nos dois dispositivos. O display IPS LCD conta com 5 polegadas e resolução HD (1280 x 720 pixels), com densidade de pixels de 294 ppi (pixels por polegada). A tela possui revestimento Gorilla Glass 3 contra arranhões e pancadas.

A diferença está na calibração de cores. Enquanto o Zenfone 5 vem com o assistente Splendid, o Zenfone GO conta com o MiraVison. Além de mais possibilidades de ajustes e configurações pré-estabelecidas, o modelo mais recente tem uma leve melhora no brilho, que pode fazer diferença para quem utiliza o aparelho sob luz intensa, como na praia, por exemplo.

Câmera

Zenfone 5 e Go contam com câmera traseira de 8 megapixels (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Zenfone 5 e Zenfone Go contam com câmera traseira de 8 megapixels (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

Assim como a tela, os dois aparelhos trazem a mesma câmera principal de 8 megapixels, enquanto a frontal (para selfies) tem 2 MP. O sensor tem a tecnologia Pixel Master, que promete capturar imagens melhores mesmo em ambientes com pouca iluminação.

O destaque é o software da Asus. O aplicativo da câmera oferece vários efeitos, como modo HDR e GIF, além de opções de ajustes que corrigem as fotos automaticamente, selfie, entre outros.

Os dois modelos têm capacidade para filmar em Full HD a até 30 quadros por segundo.

Software

Modelos contam com ZenUI, interface customizada da Asus (Foto: Divulgação/Asus)Modelos contam com ZenUI, interface customizada da Asus (Foto: Divulgação/Asus)

O Zenfone 5 vem de fábrica com o Android 4.3 Jelly Bean, mas já pode ser atualizado para o Android 5.0 Lollipop. A Asus não vai atualizar o aparelho para o Marshmallow, mas promete lançar updates pontuais para correções de erros e melhorias.

Zenfone 2, Zenfone Selfie ou Lenovo Vibe A7010: qual celular comprar? Comente no Fórum do TechTudo.

O Zenfone Go sai de fábrica já com o Android 5.1 Lollipop. Ainda não se sabe se ele será atualizado para o Marshmallow.

Os telefones contam com a interface Zen UI, característica dos smartphones da Asus. O launcher adiciona uma série de novas características ao Android, como um gerenciador de arquivos, gestão de energia e novos modos de animações do sistema.

A bola fora da Asus é o excesso de aplicativos instalados de fábrica nos dois aparelho. Ao todo são 55, entre apps de parceiros comerciais da empresa e outros que o Google já oferece, como o navegador e o player de música.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.