A Apple anunciou nesta terça-feira (19) a segunda geração de seus MacBooks com tela Retina de 12 polegadas. Esta nova geração traz a adoção de novos processadores produzidos pela Intel, nova GPU para aumentar a performance gráfica, memória RAM de frequência mais elevada e mais autonomia de bateria. Além disso, a empresa incluiu a nova cor ouro rosa em todos os modelos.

Qual MacBook vale a pena comprar: novo, usado ou importado?

Se no quesito hardware os novos MacBooks tiveram muitas melhorias, no quesito design não vemos diferença alguma. Com exceção da nova cor, que se junta ao cinza espacial, prata e dourado, as linhas e construção do MacBook continuam essencialmente as mesmas.

MacBook em nova cor ouro rosa (Foto: Divulgação/Apple)MacBook em nova cor ouro rosa (Foto: Divulgação/Apple)

Seu corpo é unibody, ou seja, ele usa um único bloco de alumínio. Sua espessura é de apenas 13,1 mm e seu peso não chega nem sequer a 1 Kg. São 920 gramas, para ser mais exato.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Voltando a falar das novidades, a Apple atualizou os processadores para a sexta geração (Skylake) da Intel. Assim, o chip usado é um Intel Core M dual-core com clock de 1,3 GHz. No Modo Turbo Boost, ele pode chegar a até 3,1 GHz. A memória RAM agora possui frequência de 1.866 MHz e continua sendo LPDDR3.

O chip gráfico utilizado é um Intel HD Graphics 515 que, segundo a própria Apple, aumenta a performance em até 25%. Com relação à bateria, a fabricante informa que ela agora é capaz de dar mais uma hora de autonomia, chegando às 11 horas de uso contínuo.

MacBooks ganharam novos processadores, memória e bateria maior (Foto: Divulgação/Apple) MacBooks ganharam novos processadores, memória e bateria maior (Foto: Divulgação/Apple)

Além disso, a nova linha de MacBooks possui conectividade Wi-Fi 802.11ac, o padrão mais avançado até o momento, além de Bluetooth

... 4.0. Infelizmente, ele continua oferecendo apenas uma porta USB-C, o que é bem ruim para quem gosta de conectar muitos dispositivos ao notebook.

A mudança será feita ainda nesta terça-feira nos Estados Unidos. Com o passar das semanas, a Apple deve atualizar também sua linha de notebooks em outros mercados, como o Brasil. Nos EUA, o modelo mais básico (Intel Core M3, 8 GB de RAM e 256 GB de SSD) custa US$ 1.300, o que dá pouco mais de R$ 4.600 (em conversão direta).

O que é melhor: notebook, ultrabook, MacBook? Comente no Fórum do TechTudo

Via Apple

 



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.