O Lenovo Vibe K5 e o Redmi 2 Pro são dois celulares com Android que disputam a preferência do consumidor entre os telefones intermediários. Fabricado pela chinesa Lenovo, o Vibe K5 tem preço sugerido de R$ 999, enquanto o Redmi 2 Pro, da Xiaomi, tem preço médio de R$ 750.

Vibe K5, LG K10 e Xperia M4 Aqua: conheça os concorrentes do Moto G 3

Os dois smartphones têm ficha técnica intermediária, tela de alta resolução e câmera frontal com elevado número de pixels. Disponíveis para comprar no Brasil, os telefones têm especificações próximas e podem deixar os clientes em dúvida. Descubra no comparativo qual celular chinês tem o melhor custo-benefício. 

Vibe K5 ou Redmi 2 Pro: Lenovo e Xiaomi se enfrentam em comparativo (Foto: Arte/TechTudo)Vibe K5 ou Redmi 2 Pro: Lenovo e Xiaomi se enfrentam em comparativo (Foto: Arte/TechTudo)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Design: empate

O Vibe K5 tem corpo de material que lembra alumínio, o que é um visual mais comum em tops de linha. Disponível nas cores prata, dourado e cinza escuro, o celular tem capa traseira e bateria removíveis. Já o Redmi 2 Pro tem corpo plástico liso, com bom acabamento, e também permite trocar a tampa traseira e remover a bateria. O smartphone está disponível em preto.

Lenovo Vibe K5 tem corpo metálico e está disponível em três cores (Foto: Rerpodução/Elson de Souza)Lenovo Vibe K5 tem corpo metálico e está disponível em três cores (Foto: Rerpodução/Elson de Souza)

No que diz respeito às medidas, há um certo equilíbrio entre os dispositivos. Apesar de maior, o telefone da Lenovo é mais fino que o Redmi 2 Pro: são 8 mm contra 9 mm do telefone da Xiaomi. Por outro lado, o aparelho concorrente é consideravelmente mais leve, com 133 gramas, contra 142 gramas do modelo da Lenovo. 

Tela: Vibe K5

O telefone da Lenovo tem tela de 5" HD (1080 x 1920 pixels), o que resulta em uma densidade de 441 pixels por polegada (ppi). Já o Redmi 2 Pro apresenta um display de 4,7 polegadas HD (720 x 1280 pixels), resultando em uma densidade de 312 ppi.

Considerando a grande diferença de resolução entre os telefones, é possível dizer que o Vibe K5 deve oferecer o melhor resultado de definição de imagem. Com o celular da Lenovo, o usuário provavelmente terá jogos, apps e vídeos com imagem melhor e letras com contornos mais definidos, além de uma tela maior para a visualização do conteúdo.

Redmi 2 Pro possui tela de 4,7 polegadas com resolução HD (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Redmi 2 Pro possui tela de 4,7 polegadas com resolução HD (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Especificações: Vibe K5

A Lenovo empregou um hardware potente no Vibe K5, com processador octa-core Snapdragon 616 (quad-core de 1,5 GHz e quad-core de 1,2 GHz) funcion

... ando em conjunto com a memória RAM de 2 GB. Já o Redmi 2 Pro tem hardware ligeiramente inferior: processador quad-core Snapdragon 410, de 1,2 GHz, e os mesmos 2 GB de memória RAM. Quanto ao armazenamento, os dois smartphones têm capacidade de 16 GB, com possibilidade de expansão de até 32 GB via cartão SD. 

Com essas características, o Vibe K5 pode ser a melhor escolha para quem busca um telefone com bom desempenho a longo prazo e, principalmente, para jogos e atividades mais exigentes. Embora tenha uma boa relação entre hardware e software, é provável que o Redmi 2 Pro demore um pouco mais em telas de carregamento e tarefas do dia a dia.

Para completar, os telefones têm conectividade 4G, Wi-Fi, Bluetooth e rádio FM. Tanto um quanto o outro são dual chip, o que vai facilitar a vida de quem precisa ter duas linhas de celular ao mesmo tempo. 

Sistema operacional: Vibe K5

O Vibe K5 chega de fábrica com o Android 5.1 (Lollipop), que é uma das versões mais recentes, embora seja esperada a atualização para o 6.0 ( Android Marshmallow). O sistema da Lenovo tem modificações na interface, o que divide usuários, mas agrada por oferecer o Google Now Launcher com visual do Android puro como uma alternativa.

Vibe K5 tem launchers da Lenovo e do Google disponíveis para usuários (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Vibe K5 tem launchers da Lenovo e do Google disponíveis para usuários (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Já o Redmi 2 Pro traz o MIUI 6.0, atualizável para a versão 7.1. O sistema é baseado no Android, porém altamente modificado, com interface própria e múltiplas funcionalidades introduzidas pela Xiaomi. Apesar de ter muitos fãs, isso faz com que a empresa leve mais tempo para atualizar seus modelos. O último update, por exemplo, saiu cerca de um ano após a liberação do Android 5.0

Câmera: Vibe K5

O Vibe K5 chega com câmera traseira de 13 MP, Flash LED, modo HDR e gravação de vídeos em resolução Full HD (1080p), considerada o padrão do mercado. Já o Redmi 2 Pro conta com resolução menor, de 8 megapixels, também acompanhada de Flash LED único, HDR e vídeos em Full HD.

A câmera frontal do telefone da Lenovo também deve apresentar melhores resultados, pois são 5 MP contra 2 megapixels do rival Redmi 2 Pro. O Vibe K5 ainda traz o diferencial do recurso V-Selfie, que tira fotos automaticamente quando um usuário faz um sinal de “V” com os dedos.

Bateria: empate

Quanto à bateria, os smartphones têm certo equilíbrio. O Vibe K5 tem ficha técnica e configurações que exigem mais do sistema. Portanto, é normal que sua capacidade de bateria seja maior que a do modelo da Xiaomi. Ainda assim, a diferença não é muito grande: são 2.750 mAh do K5, contra 2.200 mAh do Redmi. Ao considerar as diferenças de tamanho da tela dos dois aparelhos, é possível imaginar que o consumo de bateria seja semelhante. 

Zenfone 2, Moto X Play ou Lenovo Vibe A7010? Confira no Fórum do TechTudo.

Redmi 2 Pro tem bateria removível de 2200 mAh com carregamento rápido (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Redmi 2 Pro tem bateria removível de 2200 mAh com carregamento rápido (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

O Redmi 2 Pro ainda conta com a vantagem do sistema de carregamento rápido, Quick Charge 1.0, que promete entregar 30% de bateria em 30 minutos. Embora não seja a mais avançada, a tecnologia promete deixar o usuário menos tempo com o celular na tomada.

Preço e disponibilidade: Redmi 2 Pro

O Vibe K5 foi lançado há pouco tempo no Brasil e pode ser encontrado pelo preço sugerido de R$ 999 no site da Lenovo, embora haja lojas online com descontos de até R$ 70. Já o Redmi 2 Pro pode ser comprado parcelado no site da Xiaomi por R$ 769 ou à vista por R$ 699. Devido ao modelo de vendas da fabricante chinesa, é improvável que você encontre o Redmi 2 Pro com descontos ou ofertas absurdas em outras lojas online.

Conclusão: Vibe K5

O Lenovo Vibe K5 tem se apresentado como um celular intermediário competitivo neste início de ano. O smartphone tem design atraente, ficha técnica satisfatória para o uso de jogos e aplicativos no dia a dia e um preço compatível com o que ele oferece. Com isso, seu custo-benefício tende a ser maior que o do Redmi 2 Pro. 

Vibe K5 é o que oferece melhor custo-benefício em uma ficha técnica poderosa (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Vibe K5 é o que oferece melhor custo-benefício em uma ficha técnica poderosa (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

De qualquer forma, é preciso observar a diferença de no mínimo R$ 230 entre os dispositivos comparados. Se este valor for alto demais para os seus planos de comprar um smartphone novo, o Redmi 2 Pro continuará sendo uma boa escolha para o preço sugerido pela Xiaomi, afinal, o gadget tem bom desempenho. 

Se você não está satisfeito com as duas opções, há outros modelos que podem ser uma boa escolha. Na mesma faixa de preço, é possível encontrar celulares como Quantum Go, Galaxy J5, LG K10 e Moto G

Tabela comparativa entre Lenovo Vibe K5 e Redmi 2 Pro (Foto: Arte/TechTudo)Tabela comparativa entre Lenovo Vibe K5 e Redmi 2 Pro (Foto: Arte/TechTudo)


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.