Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Hover Camera é uma câmera leve e compacta que voa sozinha, dispensando o uso de controle remoto. Criada pela empresa Zero Zero Robotics, a máquina lembra um drone e pode flutuar, seguir o usuário e fazer selfies sem a necessidade de um acessório extra. O dispositivo vem equipado com estabilizador de imagem e captura fotos em 13 MP e vídeos em 4K e 360º.

Câmera instantânea recupera conceito de Polaroid com recursos extras

A câmera funciona de maneira simples, basta desdobrá-la e soltá-la no ar para que comece a flutuar sozinha. A estabilidade eletrônica reconhece o rosto da pessoa e a câmera faz a identificação para começar a acompanhar o usuário. 

Câmera flutua e segue usuário ao reconhecer rosto. (Foto: Divulgação/Hover Camera)Câmera flutua e segue usuário ao reconhecer rosto. (Foto: Divulgação/Hover Camera)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Para não correr risco de bater em nada, a câmera vem equipada com outra câmera de 3MP na parte de baixo e um sistema sonar, que mapeia a área, a distância do solo e posição de voo, evitando qualquer acidente. Além do giroscópio, sensores de velocidade e acelerômetros estão embutidos. 

Câmera segue usuário ao reconhecer rosto. (Foto: Divulgação/Hover Camera)Câmera segue usuário ao reconhecer rosto. (Foto: Divulgação/Hover Camera)

O aparelho pesa 238 g e possui quatro hélices cobertas por uma tela de fibra de carbono. O design é dobrável, o que permite levar a câmera para qualquer viagem sem ocupar muito espaço. 

Embora faça tudo automaticamente, existe a possibilidade de controlar a Hover Camera manualmente através do aplicativo para Android e iOS. Com gestos, você pode escolher a altura e a direção que deseja manter o dispositivo.

Seu peso assemelha-se ao de um relógio de pulso. (Foto: Divulgação/Hover Camera)Seu peso assemelha-se ao de um relógio de pulso. (Foto: Divulgação/Hover Camera)

A Hover Camera tem um ponto de acesso Wi-Fi para compartilhar fotos e vídeos nas redes sociais. Um dos pontos fracos do gadget, porém, é a bateria, que dura cerca de oito minutos em voo. 

A empresa ainda não disponibilizou o produto para venda, mas aponta que o valor será por volta de US$ 600 (cerca de R$ 2100) . Enquanto não está no mercado, a fabricante liberou um programa para teste. Basta se inscrever no site e aguardar o convite.

Qual é o preço justo para um drone? Comente no Fórum do TechTudo 

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.