O VelociRoACH é um projeto que busca fazer com que dois robôs ajudem um ao outro para escalar obstáculos. Criado por engenheiros da Universidade de Berkeley, na Califórnia, Estados Unidos, cada unidade possui equipamentos diferentes e uma determinada tarefa a cumprir. 

Linha de aspirador robô multifuncional da iRobot chega ao Brasil

A ideia da invenção é que as criações superem obstáculos que seriam impossíveis se realizados com apenas um robô. O objetivo é criar autômatos baratos e simples, com alta velocidade e capacidade de manobra, destinados a se infiltrarem em áreas de risco para procurar sobreviventes, por exemplo. 

Robôs conseguem se ajudar para escalar obstáculos de até 6,5 cm de altura (Foto: Reprodução/YouTube)Robôs conseguem se ajudar para escalar obstáculos (Foto: Divulgação/Universidade de Berkeley)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tech no Android ou iPhone

O processo ainda está em fase de experimentação e obteve sucesso em obstáculos de até 6,5 cm, mas as chances de falhas são altas. As estimativas é que apenas uma em cada dez tentativas de escalada, no momento, sejam bem sucedidas.

Uma possibilidade para a invenção é que, no futuro, sejam adicionados métodos para que a cooperação ocorra entre mais de duas unidades, o que aumentaria a altura máxima de obstáculos ultrapassados.

A expectativa é que os VelociRoACHes possam ser enviados para locais perigosos, como áreas radioativas. Além disso, o projeto promete enviar dados sem precisar ser recuperado.

A desvantagem dos robôs é que, para manter o projeto acessível, algumas funções precisaram ser comprometidas. Ao contrário de outras máquinas da categoria, o VelociRoACH não possui movimentos independentes para cada perna, o que significa que não conseguem escalar obstáculos com facilidade.

A solução para isso foi programar duas unidades para agirem em conjunto e equipar cada uma delas com acessórios. Assim, o primeiro robô é capaz de dar impulsos e colocar as pernas frontais acima do obstáculo. No entanto, ele não consegue erguer o resto do corpo.

Com isso, o segundo autômato ser

... ve de alavanca, empurrando o colega para cima para que possa continuar a caminhada. Neste momento, o robô também encaixa um imã ligado por uma corda no segundo aparelho. 

Confira no vídeo abaixo uma demonstração da tecnologia.

Via Gizmodo e Berkeley

Qual é o melhor drone para comprar no Brasil? Comente no Fórum do TechTudo



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.