Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

A AMD divulgou informações sobre as novas GPUs Radeon da série 400 que serão lançadas para notebooks e computadores all-in-one. A nova linha conta com processadores construídos a partir de arquiteturas mais antigas e as versões portáteis das Polaris, com melhor desempenho gráfico e maior economia de energia, devem ficar concentradas entre os produtos top de linha das placas.

Entenda o que são as novas placas Founder Edition GTX da Nvidia

A nova família gráfica foi anunciada no site oficial da marca em grandes grupos: Radeon R9, para os modelos de maior capacidade, Radeon R7, para máquinas intermediárias, e R5, que serão usadas em computadores de entrada.

Primeiros modelos das novas Radeon para notebooks surgem sem HBM e Polaris (Foto: Divulgação/AMD)Primeiros modelos das novas Radeon para notebooks surgem sem HBM e Polaris (Foto: Divulgação/AMD)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

As novas placas são, na verdade, chips mais antigos com um novo nome. A prática, que é comum nos lançamentos anuais de NVIDIA e AMD, deixa espaço para que a empresa anuncie em breve GPUs novas da arquitetura Polaris. 

Em relação aos principais componentes, serão três chips: R9 M470, R9 M470X e R9 M485. Essas GPUs terão 12, 14 e 32 núcleos computacionais, respectivamente. Em relação ao suporte à memória, os chips serão montados com GDDR5 – sem HBM, portanto – em instalações com máximo de 4 GB para as M470 e M470X e 8 GB para a M485. Essas placas terão interfaces de 128 bits para as M470 e M470X enquanto que a M485 faz uso do dobro, com 256 bits.

GPUs com arquitetura Polaris devem ser anunciadas em junho, durante a Computex (Foto: Divulgação/AMD)GPUs com arquitetura Polaris devem ser anunciadas em junho, durante a Computex (Foto: Divulgação/AMD)

Na série intermediária, serão cinco processadores: R7 M440, R7 M445, R7 M460, R7 M465 e R7 M465X. Em termos de especificações, essas GPUs rodam com cinco unidades computacionais (M440 e M445), seis núcleos computacionais (M460 e M465) e oito núcleos no modelo mais forte, a R M465X. O suporte para memória é de 4 GB em todos os componentes, com variações de GDDR5 e DDR3. Com exceção da M465X, que usa 128 bits, todas as demais rodam com 64 bits.

Por fim, a linha R5 terá três modelos: R5 M420, R5 M430 e R5 M435, todas com cinco núcleos computacionais, interface de 64 bits e suporte a 4 GB de RAM (apenas a M435 roda com GDDR5).

Os consumidores interessados em investir em computadores com placa de vídeo dedicada da AMD podem aguardar o anúncio das Polaris. Com isso, será possível saber quais são as novas GPUs da marca, garantindo uma análise melhor antes da compra.

Via AMD, Wccftech

Qual GPU é melhor para jogos atuais? Comente no Fórum do TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.