Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Usuários profissionais, principalmente com foco em audiovisual, têm investido cada vez mais em drones para realizar capturas de fotos e vídeos aéreos a um custo bem mais baixo do que alugar um helicóptero, por exemplo. Para quem precisa de um equipamento desse tipo, há diversas faixas de preço, mas a verdade é que, no Brasil, os robôs profissionais custam caro.

Lista traz 6 drones à prova d’água; confira modelos

Na lista a seguir, confira cinco opções de drones profissionais, mas com preços que não passam de R$ 10 mil. Vale lembrar que o valor deixa de fora alguns modelos de referência, como o Phantom 4 e DJI Inspire 1, encontrado por R$ 15 mil. No entanto, os aparelhos podem ser uma opção para quem quer trabalhar sem gastar demais.

Walkera QR X350 – R$ 4.000

Drone da Walkera é compatível com câmeras de ação e apresenta bom conjunto de recursos (Foto: Divulgação/Walkera)Drone é compatível com câmeras de ação e apresenta conjunto de recursos (Foto: Divulgação/Walkera)

O Walkera QR X350 é um drone de rádio controlado com uma série de recursos interessantes para quem precisa de um aparelho mais profissional. O robô possui, por exemplo, uma ferramenta de manutenção da altitude a partir de leituras de GPS, sistema de retorno e pouso acessível ao toque de um botão e motores sem escovas.

É possível controlar o aparelho via Wi-Fi e instalar câmeras GoPro no suporte compatível que acompanha o equipamento. Caso deseje usar a câmera da Walkera, o drone grava em HD e fornece alcance de vídeo entre 500 metros e 1 km. A bateria permite até 25 minutos de voo e o alcance do controle remoto chega a um raio de 2 km.

Parrot Bebop – a partir de R$ 5.000

Bebop apresenta recursos avançados com Wi-Fi e 8 GB de espaço (Foto: Divulgação/Parrot)Bebop apresenta recursos avançados com Wi-Fi e 8 GB de espaço (Foto: Divulgação/Parrot)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tech no Android ou iPhone

O Bebop conta com uma câmera de 14 megapixels que permite capturar imagens em 4096 x 3072 pixels e em DNG, além de vídeo em Full HD a 30 quadros por segundo. O equipamento conta com um processador para controle dos recursos embarcados no equipamento, GPS e recurso de volta para a casa, que permite o retorno do drone ao ponto de decolagem de forma automática.

No dispositivo há 8 GB de espaço para guardar arquivos gerados pela câmera, mas que podem ser expandidos com cartões microSD. O aparelho permite emparelhamento via Bluetooth, conexão Wi-Fi e controle do movimento da câmera via celular. A autonomia da bateria é de 22 minutos com uma carga completa.

DJI Phantom 3 – a partir de R$ 6.500

Phantom 3 tem ótimo custo-benefício entre os profissionais (Foto: Divulgação/DJI)Phantom 3 tem ótimo custo-benefício entre os profissionais (Foto: Divulgação/DJI)

Existem várias versões do DJI Phantom 3, mas a que chama mais atenção é a Professional, que oferece gravação em 4K. O drone é um dos mais conhecidos do mundo, especialmente para quem exige um equipamento profissional. Com giroscópio e acelerômetro, o usuário também pode aproveitar a navegação via GPS e a possibilidade de streaming do voo para um celular ou tablet em tempo real e resolução HD.

Em relação à câmera que vem embutida, o equipamento de qualidade é beneficiado por uma série de estruturas que permitem maior estabilidade para a câmera durante voo. O dispositivo pode gerar imagens em formato RAW e vídeos em 4K. Há, ainda, uma tecnologia  de piloto automático para trazer o equipamento de volta e em segurança caso ocorra um imprevisto. A bateria permite voo por 23 minutos e o raio de ação é de 2 km.

Yuneec Typhoon H – R$ 9.000

Typhoon é uma boa opção para quem deseja gravar em 4K (Foto: Divulgação/Yuneec)Typhoon é uma boa opção para quem deseja gravar em 4K (Foto: Divulgação/Yuneec)

O Typhoon H grava em 4K e conta com uma série de tecnologias que o deixam mais completo que os rivais. Há, por exemplo, um sensor ultrassônico embarcado no drone, usado para detectar obstáculos e impedir colisões. A câmera de 12 megapixels grava em Ultra HD (a 30 quadros), ou em Full HD (120 quadros).

O controle remoto do Typhoon tem uma tela touch de 7 polegadas para visualização do voo em tempo real. Além disso, pelo controle, o piloto pode acionar modos de voo pré-definidos, como voar em círculos, fazer selfie, seguir o usuário e outros, que podem ser definidos via coordenadas de GPS, permitindo ao aparelho fazer um percurso pré-definido. Com bateria cheia, o gadget voa por 25 minutos.

Walkera Tali H500 – a partir de R$ 9.500

Modelo da Walkera tem proposta competitiva entre os drones profissionais no Brasil (Foto: Divulgação/Walkera)Modelo tem proposta competitiva entre os drones profissionais no Brasil (Foto: Divulgação/Walkera)



O Tali H500 é um drone no formato hexacoptero com câmera acoplada que permite a gravação de vídeos Full HD por meio da câmera de ação iLook, que costuma acompanhar o aparelho. É possível trocar o acessório por uma GoPro, por exemplo.

Em relação à performance, o Tali H500 permite voo por até 25 minutos e pode ser controlado a até 2 km de distância por meio do controle remoto via rádio. O acessório é compatível com a tecnologia FPV, que permite vídeo em tempo real do voo.

Qual é o preço justo para um drone? Comente no Fórum do TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.