Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

For Honor marcou presença mais uma vez durante a E3 na conferência da Ubisoft, desta vez trazendo seu novo modo campanha single-player. Com uma pegada que lembra Dynasty Warriors e Chivalry: Medieval Warfare, o jogo chega para PS4, Xbox One e PC no dia 14 de março de 2017 com mais combates brutais entre cavaleiros, vikings e samurais. O TechTudo testou o game e você confere aqui nossas primeiras impressões.

Watch Dogs 2 e Steep são os destaques da Ubisoft na E3 2016

Cavaleiros, vikings e uma nova campanha

Ano passado For Honor surpreendeu com um multiplayer divertido e lutas frenéticas, onde duas equipes, que se enfrentavam entre hordas de inimigos e aliados, disputavam o controle do mapa. O destaque desta vez, porém, ficou para o novo single-player. Ele traz missões que contam a história e detalhes sobre as três classes presentes no game. A demo focou nos cavaleiros e vikings como protagonistas em duas missões diferentes.

For Honor agora terá missões single-player para as classes de cavaleiro, viking e samurai (Foto: Reprodução/Tais Carvalho)For Honor agora terá missões single-player para as classes de cavaleiro, viking e samurai (Foto: Reprodução/Tais Carvalho)

A primeira, dos cavaleiros, serviu como um tutorial para ensinar os comandos do jogo. Em termos de jogabilidade, os controles ainda são os mesmos da última demonstração. Apesar de ser um jogo do gênero hack and slash, ele tem um sistema de combate peculiar que usa os analógicos do controle para atacar, se movimentar e bloquear. Ele exige uma dose concentração e ritmo, mas é simples, fácil de aprender e bem divertido.

Mesmo combate e ainda mais ação

Com o botão L2 o jogador prende a mira no adversário para atacar ou defender usando o analógico direito do controle. Para acertar um golpe, é preciso atacar na direção oposta a que o inimigo está mirando na tela. Para se defender é o contrário, é preciso mirar na direção em que o inimigo está tentando golpeá-lo. Os personagens possuem dois tipos de ataques, um mais leve e rápido e outro mais pesado e potente. Ao finalizar um inimigo usando o segundo, o jogador tem a opção de realizar uma execução violenta e brutal.

As classes de samurai, cavaleiro e viking no Showcase da Ubisoft (Foto: Reprodução/Tais Carvalho)As classes de samurai, cavaleiro e viking no Showcase da Ubisoft (Foto: Reprodução/Tais Carvalho)

Enquanto o capítulo dos cavaleiros ensinava o básico sobre o jogo, a dos vikings nos mostrou os diferentes desafios que o game pode proporcionar. Jogamos a mesma missão que apareceu no trailer durante a conferência da Ubisoft na 2016. Nela, os vikings atacam os samurais em busca de alimentos e recursos em um período de escassez.

Durante a invasão, é possível usar o cenário ao seu favor para finalizar inimigos, jogando-os contra paredes de lançar ou arremedando-os de lugares bem altos. O viking é a classe menos ágil do jogo, no entanto é também a mais agressiva, com ataques mais potentes. Ele também pode usar itens para aumentar a força de seus golpes ou se vingar dos inimigos após receber uma grande quantidade de dano.

Em janeiro, a Ubisoft afirmou que For Honor terá um modo para um jogador (Foto: Divulgação/Ubisoft) (Foto: Em janeiro, a Ubisoft afirmou que For Honor terá um modo para um jogador (Foto: Divulgação/Ubisoft))Em janeiro, a Ubisoft afirmou que For Honor terá um modo para um jogador (Foto: Divulgação/Ubisoft)

For Honor também capricha nos gráficos e animações dos personagens. É possível sentir o “peso” das armaduras na movimentação e os combates ainda mantém aquele clima bárbaro e violento. Com data de lançamento marcada, o título tem potencial tanto pelo multiplayer repleto de ação como também agora pela campanha. 

O que você está esperando da E3 2016? Comente no Fórum do TechTudo!

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.