A câmera digital Nikon D5200 é capaz de registrar fotografias com qualidade profissional. O principal fator que facilita o uso é a possibilidade de trocar as lentes e, assim, adaptar a máquina para cada ocasião. A grade de ajuste pré-programados, com temas do tipo noturno e cliques em movimento, também é interessante na hora registrar as fotografias no dia a dia, sem precisar gastar horas configurando manualmente. Veja as dicas para conhecer um pouco sua Nikon e melhorar a qualidade das fotos.

Mais concorrência para a GoPro? Fujifilm também lança sua câmera de ação

nikon (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: veja algumas dicas para registrar fotografias de qualidade (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

A Nikon D5200 foi lançada no final de 2012 e custa no Brasil cerca de R$ 2.200 em lojas virtuais. Oferecendo qualidade de até 24,1 megapixels para as fotografias, a câmera semiprofissional é equipada com uma série de recursos interessantes para os usuários. Dentre eles estão a gravação de vídeos em Full HD (1080p), visor móvel, entrada para adaptador Wi-Fi, Sensor CMOS formato DX e ISO 100-6400 (expansível para 25600).

Encaixando a lente

Acabou de comprar sua Nikon? Então confira nas imagens como encaixar a lente. No exemplo está uma Nikkor 18-55 mm, mas o corpo da máquina aceita diferentes tipos de lentes da Nikon.

Passo 1. Posicione o ponto branco da lente, alinhado com o ponto branco na lateral do corpo. Encaixe a lente na base e gire até que o ponto branco da lente chegue no topo do corpo. Ao final, não se esqueça de tirar a tampa da lente para começar a clicar.

nikon lentes (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: para encaixar a lente observe o ponto branco (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Registrando imagens: zoom, foco e macro

Passo 1. Para usar a função de zoom, gire lentamente o anel na parte mais interna da lente. Nesse caso, a quantidade de zoom depende do tipo de lente Nikon. Neste caso, foi utilizada uma Nikkor 18-55 mm.

nikon zoom (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: como usar o zoom (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 2. Para dar foco na fotografia, gire o anel na parte mais externa da lente. Você perceberá a imagem se ajustando conforme o ângulo desejado. É possível dar foco geral, detalhado ou focar apenas na parte mais afastada.

nikon comparação (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: use o foco para dar destaque em objetos (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Para isso, aponte a câmera para o objeto que deseja registrar e gire o anel de foco até obter o resultado desejado. Para completar, aperte o botão de disparo;

Qual é a melhor câmera semi-profissional? Confira no Fórum do TechTudo.

Passo 3. Registrar detalhes exige uma configuração diferente na câmera. Então rode o botão com os temas, na parte superior da câmera e selecione o Macro (indicado pelo desenho de uma flor). Aproxime a lente do objeto, com cuidado, e ajuste o anel de foco. Em seguida aperte o botão de di

... sparo.
nikon detalhes (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Macro serve para capturar detalhes (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Temas pré-ajustados

Passo 1. O primeiro modo de “Retrato” é utilizado para registrar fotos de pessoas ou objetos. Assim, a câmera dará mais destaque para o elemento no centro da foto ou mais próximo;

nikon retrato (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Retrato (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 2. O modo “Paisagem” funciona bem para áreas mais amplas, tanto rurais quanto urbanas. O ajuste dará mais profundidade na imagem registrada e aplicará um foco mais abrangente;

nikon paisagem (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Paisagem (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 3. Crianças: serve para fotografias mais momentâneas. As cores no ambiente e nas roupas aparecem mais vivas e a tonalidade da pele permanece semelhante;

nikon criança (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Criança (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 4. Esportes: indicado para registrar fotografias em movimento, ou para cliques mais rápidos. Assim há um destaque e foco nos objetos ou pessoas na ação, enquanto o ambiente fica em segundo plano.

nikon esportes (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Esportes (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 5. O Macro, como já comentado, serve para objetos bem próximos da câmera e é indicado para capturar detalhes.

nikon macro (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Macro (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 6. Automático com e sem flash: pode ser usado para fotografias em geral, já que a câmera tenta se ajustar ao ambiente.

nikon automatico (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: modo Automático com Flash e sem Flash (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 7. Em “Scene” é possível escolher outros temas com ajustes rápidos como festa, pôr do sol, animais de estimação, comida e mais. O modo de retrato noturno serve para enquadrar um objeto ou pessoa com um fundo, ou ambiente, mais escuro. No entanto, para obter um bom resultado é necessário usar o flash ou manter a câmera bem firme. Usar esse modo pode facilmente resultar em imagens borradas, logo faça um apoio na máquina em alguma bancada antes de apertar o botão de disparo.

Ajuste manual

Essa parte é a mais complicada de usar no dia a dia, já que exige mais tempo e conhecimento específico sobre abertura do diafragma, exposição, ISO, dentre outros recursos da câmera. Para começar, é preciso saber que a fotografia é extremamente dependente da luz: é ela que passa pela lente para registrar a imagem. E é nesse ponto que entra o tópico “Exposição”. Por isso uma foto fica boa, estourada ou escura.

Nikon D5200 foto (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)Nikon D5200: ajustes manuais são mais complicados (Foto: Barbara Mannara/TechTudo)

Passo 1. Abertura do Diafragma: ela é a “pupila” da lente e quanto mais aberta mais luz entra no registro da imagem. Na Nikon, há um pequeno botão com o desenho de “+/-”, perto do disparador. Nele você pode fazer os ajustes. Mas vale ter atenção: quanto menor o número mais luz entrará, logo se a abertura for “F 2.8″  a lente receberá mais luz do que se a abertura for “F 11″ ;

Nikon D5200: abertura do diafragma (Foto: Divulgação/Nikon)Nikon D5200: abertura do diafragma (Foto: Divulgação/Nikon)

Dependendo do ambiente, o usuário deve fazer os ajustes necessários. Nas configurações acessadas pelo botão “i”, ela pode ser observada no segundo círculo, com um desenho que se abre e fecha conforme o ajuste;

Nikon D3100 é uma boa sugestão para começar no mundo da fotografia profissional

Passo 2. Tempo de Exposição: é o tempo em que o diafragma vai ficar aberto recebendo luz. A lógica é simples: quanto maior a duração, maior a quantidade de luz no sensor. Essa medida é feita em frações de segundos e pode ser acessada no mesmo botão de “+-”, ou diretamente pelas configurações, no botão de “i”;

Na Nikon ele é o primeiro círculo que aparece após nas configurações, sempre com a informação “1/”. Então 1/125 corresponde a menos tempo de exposição do que 1/100, por exemplo, e vai receber menos luz nesse caso.

Nikon D5200: tempo de exposição (Foto: Divulgação/Nikon)Nikon D5200: tempo de exposição (Foto: Divulgação/Nikon)

Passo 3. ISO: é a sensibilidade do sensor e quanto maior o número ISO mais luz será absorvida. Para ambientes mais claros é indicado um ISO mais baixo e para ambientes mais escuros um valor mais alto. Assim, compensamos a entrada de luz, em conjunto com ajustes de exposição e abertura do diafragma. Na Nikon D5200 é possível ajustar o ISO entre 100 e 6400 (expansível para 25600). Nas configurações, ela é indicada pelo último círculo no visor.

Nikon D5200: Ajustes de ISO (Foto: Divulgação/Nikon)Nikon D5200: Ajustes de ISO (Foto: Divulgação/Nikon)

Agora, basta pegar sua câmera Nikon D5200 e encontrar as melhores definições para registrar suas fotografias com qualidade.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.