We Happy Few é o novo jogo da Compulsion Studios que também deu as caras durante a E3 2016. O jogo surpreendeu pela atmosfera sombria e narrativa que lembra jogos como BioShock. Sua trama se passa em mundo distópico controlado por uma espécie de “droga da felicidade”, que faz com que os moradores da cidade esqueçam suas trágicas memórias. Jogamos We Happy Few durante a feira em Los Angeles, confira:
Novo Xbox One S é o destaque da Microsoft na E3 e chega ainda este ano O efeito da verdade
We Happy Few no estande da Microsoft durante a E3 2016 (Foto: Felipe Vinha/TechTudo)
Durante a demo de We Happy Few assumimos o papel de Arthur Hastings, um dos moradores desse cenário distópico. Seu trabalho é censurar os artigos de jornal da fictícia cidade de Wellington Wells para que todos possam desfrutar apenas de informações positivas, sem ter que encarar ou sofrer pelas memórias ruins. Porém, quando a droga Joy começa a perder o efeito, Arthur se recusa a tomar outro remédio e passa a enxergar e sentir a verdade como ela realmente é. Ele nota que o mundo que ele conhecia simplesmente não existe. Doces e pinhatas não são nada mais que animais mortos e as pessoas parecem viver em um constante estado de paranoia.
We Happy Few na E3 2016 (Foto: Felipe Vinha/TechTudo)
O único problema é que os moradores da cidade não aceitam muito bem a ideia de não usar a droga Joy. Eles chamam de “Downers” aqueles que se recusam a tomar o remédio e os perseguem ferozmente. Na demo, o mesmo acontece com Arthur, e ele não tem muita es...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.