Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

O Galaxy Note 7 chegou ao Brasil como uma aposta no hardware de sucesso do Galaxy S7 , além do refinamentos importantes nas características exclusivas da linha Note. Por R$ 4.299, a Samsung aplicou melhorias em quase todos os aspectos do aparelho, sem se deter a especificações como processador e memória RAM. O resultado é uma fusão entre o top de linha e o antecessor Galaxy Note 5, do qual o novo modelo ainda herda boa parte do design. Ele está por R$ 3.799 na loja oficial da fabricante. 

Testamos o Galaxy Note 7, o celular da Samsung com scanner de íris

O Note 7 segue com display de 5,7 polegadas, 4 GB de memória RAM, processador octa-core e caneta S-Pen para anotações na tela. No entanto, todos esses elementos ganharam upgrades que prometem tornar a nova versão superior. Isso sem falar nos recursos novos, como expansão de memória, a esperada resistência a água e o leitor de íris. Confira o que mudou entre o Note 5 e o Note 7.

Galaxy Note 5 e Galaxy Note 7: veja o que mudou no celular da Samsung (Foto: Arte/TechTudo)Galaxy Note 5 e Galaxy Note 7: veja o que mudou no celular da Samsung (Foto: Arte/TechTudo)

Download do aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Tela

O display do Note 7 mantém o tamanho de 5,7 polegadas, a resolução Quad HD (2560 x 1440 pixels) e a tecnologia Super AMOLED da geração anterior. A diferença dessa vez está no formato: a tela ganhou bordas curvas nas laterais, deixando a imagem imersiva e o corpo praticamente sem bordas ao olhar o aparelho de frente.

Testamos o Galaxy Note 7, novo celular da Samsung; veja nossas impressões no vídeo.

O truque de design permite que o Note 7 mantenha o painel frontal tão grande quanto no Note 5, mas com dimensões externas menores – exatos 2,2 mm a menos na largura. A diferença parece pouca, mas promete ser o suficiente para deixar um celular grande muito mais confortável de segurar. Contribui para isso os vidros curvos também na traseira, que ajudam a dar um visual simétrico ao conjunto da obra.

Há ainda melhoria na resistência dos vidros empregados na traseira e dianteira. O Note 7 traz a nova geração Gorilla Glass 5, que tende a oferecer suporte maior a riscos e quedas do que o Gorilla Glass 4 presente no Note 5.

Câmera

O sensor traseiro do Note 7 perdeu megapixels, mas não se engane: ele deve tirar fotos melhores do que seu antecessor. Com câmera principal de 12 megapixels, abertura de f/1,7 e tecnologia dual-pixel, o novo Galaxy Note, em teoria, tira fotos tão boas quanto o Galaxy S7, do qual herda o mesmo sensor. Apesar de capturar imagens de 16 megapixels, o Note 5 tende a ficar atrás nesse quesito – sua abertura, por exemplo, é de f/1,9, e os pixels capturados são de tamanho “comum”.

Câmera traseira desceu para 12 megapixels, mas fotos devem ser bem melhores (Foto: Ana Marques/TechTudo)Câmera traseira desceu para 12 megapixels, mas fotos devem ser bem melhores (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Espera-se também melhores selfies no Note 7, que, apesar de manter câmera frontal com os mesmos 5 megapixels da geração anterior, recebeu upgrade na abertura e qualidade geral de captação de imagens com um novo sensor.

Armazenamento

O Galaxy Note 7 será vendido com, no mínimo, 64 GB de armazenamento interno, o dobro da quantidade do Note 5 mais básico. Além disso, o lançamento volta a contar com expansão de memória por meio de cartão microSD, recurso abandonado no Note 5 graças ao acabamento selado em metal. É possível utilizar um cartão de até 256 GB, aumentando a capacidade do aparelho para 320 GB, mais do que muitos computadores modernos com SSD.

Segurança

O principal destaque do Note 7 é o leitor de íris para desbloqueio seguro. Presente antes somente na dupla Lumia 950 e Lumia 950 XL, da Microsoft, a tecnologia usa um sensor avançado equipado na parte frontal para identificar a impressão única nos olhos do usuário e conceder acesso ao sistema. É um recurso que trabalha em conjunto com o leitor de digitais, mas, segundo a Samsung, até 200 vezes mais eficiente.

Note 7 promete mais segurança com leitor de íris (Foto: Ana Marques/TechTudo)Note 7 promete mais segurança com leitor de íris (Foto: Ana Marques/TechTudo)

O sensor de impressões digitais, aliás, promete ser ainda mais rápido do que a versão encontrada no Note 5. Além de ter um segundo meio de login seguro, o Note 7 tem um conjunto de autenticação biométrica mais completo e eficiente para proteger os dados do usuário, aplicado inclusive em uma pasta-cofre para guardar arquivos sigilosos.

Resistência a água

Seguindo os passos do Galaxy S7, o Note 7 também ganhou proteção contra água apesar do corpo totalmente em metal. O aparelho conta com certificação IP68, o que garante funcionamento mesmo mergulhado em até 1,5 m de água por 30 minutos. Até a caneta S-Pen ganhou a mesma resistência, podendo também ser imersa em água sem ter componentes internos prejudicados.

Até a caneta S Pen está resistente a água (Foto: Ana Marques/TechTudo)Até a caneta S Pen está resistente a água (Foto: Ana Marques/TechTudo)


Bateria

O lançamento da Samsung é 0,3 mm mais espesso do que seu antecessor, mas é por um bom motivo: o Note 7 traz uma bateria com 500 mAh a mais. Com 3.500 mAh, o modelo pode ficar mais tempo longe da tomada, embora ainda não se saiba exatamente quanto. O Note 5 suporta 22 horas de ligações com 3G ligado, ou 64 horas de reprodução de música, segundo dados oficiais.

Carregador

Mesmo com uma bateria maior, o Galaxy Note 7 promete recarregar rapidamente graças ao novo conector USB-C. A nova porta, que estreia em aparelhos da Samsung, tem muito mais capacidade de transferência de dados e energia. É uma tecnologia que deve não só permitir mais agilidade para recarga, mas também para mover arquivos pesados entre o celular e o computador.

Galaxy Note 7 (Foto: Ana Marques/TechTudo)Galaxy Note 7 promete carregar mais rápido com conector USB-C (Foto: Ana Marques/TechTudo)

O ponto fraco fica por conta da disponibilidade de cabos. Ao contrário do Note 5, donos do Note 7 não poderão compartilhar cabos com outras pessoas ou com aparelhos antigos no formato tradicional USB-A.

Processador e memória

O processador escolhido pela Samsung para a linha Note continua sendo o da própria fabricante, que está ainda mais potente. O Note 7 vem com um chipset Exynos 8890 e dois processadores quad-core, um de 2,3 GHz e outro de 1,6 GHz. Além disso, traz um processador gráfico Mali-T880 e 4 GB de memória RAM. É o mesmo combo disponível no Galaxy S7 vendido no Brasil.

Versão do Android

O novo Note sai de fábrica com Android 6.0 Marshmallow, com promessa de atualização para o Android 7.0 Nougat em breve. O Note 5 veio com Android 5.0 Lollipop, mas já recebeu o update para a versão mais recente. A diferença entre o sistema operacional das duas versões é a TouchWiz, interface da Samsung para o Android, que recebeu modificações e está  menos poluídas, com cores mais leves e maior fluidez na execução das tarefas.

Saiba o que mudou no Galaxy Note 7 em comparação com a geração passada (Foto: Ana Marques/TechTudo)Galaxy Note 7 tem caneta S-Pen (Foto: Ana Marques/TechTudo)

Preço de lançamento e o que acompanha

O Note 5 está sendo vendido no site da fabricante por R$ 3.799, mas pode ser encontrado em lojas do varejo por menos R$ 3.000. Enquanto isso, o Galaxy Note 7 chega ao Brasil a partir do dia 22 de agosto custando R$ 4.299, exatos R$ 500 a mais do que o preço de lançamento da geração passada no país. Para compensar o investimento, a Samsung irá oferecer dois “brindes” na caixa: fones sem fio da linha Gear IconX, além da nova versão do headset de realidade virtual Gear VR.

O que você achou do Galaxy Note 7, novo celular da Samsung? Comente no Fórum do TechTudo.

Tabela comparativa entre o Galaxy Note 5 e o Galaxy Note 7  (Foto: Arte/TechTudo)Tabela comparativa entre o Galaxy Note 5 e o Galaxy Note 7 (Foto: Arte/TechTudo)

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.