As lentes têm o poder de causar distorções em sua fotografia. Na maioria das vezes, essas “deformações” acabam passando despercebidas por nós, pois a olho nu é difícil fazer uma comparação milimétrica de imagem e realidade. 
Como usar uma lente macro para fotografar flores e insetos
Caso esteja fotografando uma paisagem, essa diferença fica um pouco mais aparente, já que é possível observar se a linha do horizonte está alinhada ou não. Entretanto, ao observar a imagem de uma pessoa, por exemplo, essa identificação se torna bem mais difícil, podendo dar a impressão de estar mais "gordo" ou muito "magro".
A diferença no tamanho do rosto da primeira para a última foto é perceptível (Foto: Heloisa Facin/ TechTudo)
Fizemos o teste. Para isso, utilizamos uma câmera Canon, modelo Rebel T3i e três objetivas diferentes: Canon 18-55mm, Canon 50mm e a Canon telezoom 75-300mm. É possível ver a distorção bem aparente ao observar um mesmo retrato tirado em distância e lentes diferentes.  Veja acima como a primeira imagem (18mm) mostra um rosto bem mais fino em comparação com a última (80mm). Isso acontece pois ao registrar uma foto, a objetiva estica o objeto de maneira não uniforme, causando distorção na relação borda x centro da fotografia. Esse efeito, que na verdade são três, são conhecidos por efeito barril, efeito almofada e efeito complexo.
Entenda as distorções óticas mais vista na fotografia. (Arte: Heloisa Facin/TechTudo)
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone
Cada um deles ocorre com mais frequência em tipos específicos de lentes. A distorção barril é mais vista em fotografias tiradas com objetivas grande angulares e olho de peixe. Ou seja, o centro parece estar mais expandido em relação à sua borda. Já a conhecida como almofada geralmente acontece mais em lentes telefoto, proporcionando um engrandecimento dos cantos em relação ao centro da imagem. Já a complexa une os dois efeitos acima em um só. Ou seja, é possível observar aumento tanto no centro quanto nas bordas. Objetivas de grande alcance como as telezooms tendem a causar um nível de distorção maior justamente pela variação grande que proporcionam em distância focal. Para esses modelos é possível obter imagens com efeitos barril ou almofada, dependendo da distância em que a foto for tirada. Infelizmente, essa parece ser uma regra comum: quanto mais poder de zoom, maiores as chances de distorções.
Canon ou Nikon, qual a melhor...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.