Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

A nova geração de placas de vídeo com preços altos por parte da AMD teve um efeito positivo em produtos da geração anterior: os valores caíram. Exemplo disso é a R9 380, placa com desempenho intermediário que pode ser encontrada no Brasil por R$ 900. 

GeForce GTX 960 ou Radeon R9 380x: qual das placas de vídeo é melhor

A R9 380 é uma placa de vídeo desenvolvida com a arquitetura GCN da AMD e roda com 1792 processadores Stream, 112 Compute Unites e velocidade de 970 MHz. A placa era uma das opções de desempenho e preço intermediário da geração passada, com performance superior à encontrada na GTX 960 da NVIDIA

Versão com overclock de fábrica da R9 380 da MSI está entre as mais elogiadas (Foto: Divulgação/MSI)Versão com overclock de fábrica da R9 380 da MSI está entre as mais elogiadas (Foto: Divulgação/MSI)

Há versões de 2 e 4 GB de RAM GDDR5 da placa, todas com interface e 256 bits entre processador gráfico e memória. A RAM tem velocidade de até 1.425 MHz e a taxa de transferência de dados é de 5.7 Gbps.

São números intermediários que ainda permitem que usuários usem a placa para rodar jogos atuais, ainda que, na prática, o nível de performance tenha sido superado com a nova geração. A R9 380 é capaz de rodar games em Full HD sem dificuldade, mas não é boa para resoluções maiores ou em realidade virtual.

Qual GPU é melhor para jogos atuais? Comente no Fórum do TechTudo.

Se você está no mercado em busca de uma nova placa de vídeo e a R9 380 é a melhor opção para as suas necessidades, considere modelos como R9 380X. O “X” refere-se a uma revisão da placa, lançada no ciclo do produto pela AMD, que emprega alguns ganhos de performance e um processador gráfico um pouco mais rápido.

Consumo é um ponto fraco

A criação da arquitetura Polaris da AMD buscava corrigir um ponto fraco de seus produtos: o consumo. A R9 380 é um bom exemplo: a placa tem TDP de 190 watts. Como comparação, a Titan X da Nvidia, placa de vídeo mais poderosa do mundo, atinge 250 watts com performance de 50% superior. A nova RX 480, placa top de linha da AMD lançada em 2016, roda com TDP de 150 watts.

Placa da AMD denuncia idade no consumo elevado (Foto: Divulgação/AMD)Placa da AMD denuncia idade no consumo elevado (Foto: Divulgação/AMD)

A preocupação de tanto consumo é o desperdício de energia: um registro maior significa que a placa perde mais quantidade de eletricidade em forma de calor ao trabalhar, resultando em um equipamento ineficiente.

Mas há outros efeitos negativos: placas, processadores e outros componentes que esquentam muito acabam exigindo soluções de refrigeração mais radicais que consomem demais para funcionar. No caso específico das placas de vídeo, podem causar bastante ruído. Algumas versões da R9 380 são conhecidas por conta do barulho em situações de alta demanda.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Preço baixo

A R9 380 é uma placa de vídeo que ainda pode servir para os que jogam em Full HD, embora seja de uma geração mais antiga. 

A chegada das placas de vídeo da AMD de nova geração, em especial a RX 480 com seus preços mais agressivos, teve um efeito positivo na 380: os preços caíram. Hoje, a R9 380 pode ser encontrada no Brasil por menos de R$ 1.000. A edição da PowerColor sai por R$ 900 no momento.

Versão da PowerColor tem um dos preços mais baixos do momento em relação à R9 380 (Foto: Divulgação/PowerColor)Versão da PowerColor tem um dos preços mais baixos do momento em relação à R9 380 (Foto: Divulgação/PowerColor)

R9 380 vale à pena?

Para quem não pode passar do limite de R$ 1.000 para comprar uma nova placa de vídeo, a R9 380 é uma das melhores candidatas. Têm boas especificações e performance suficiente para jogos atuais a resoluções Full HD.

O grande defeito está no consumo: não apenas a R9 380 gasta demais como exige refrigeração de maior potência, que provoca índice de ruído elevado. Versões mais elaboradas de fabricantes como XFX e Sapphire costumam ser melhores nesse departamento, mas são caras.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.