O Tinder, aplicativo de encontros que se baseia em interesses e geolocalização, vem fazendo sucesso nas Olimpíadas Rio 2016. No primeiro fim de semana do evento, houve um aumento de 64% de usuários ativos e o número de "matches" na região onde os atletas estão hospedados na cidade maravilhosa mais que dobrou (129%). Em todas as interações no app foi registrado um aumento significativo: o "swipes" — movimento de avaliar o perfil de outro usuário — teve um aumento de 69%.
Tinder Social chega ao Brasil; saiba como 'paquera em grupo' funciona
O Rio de Janeiro se tornou o centro das atenções no aplicativo. Na versão paga "Tinder Plus", que dá acesso a uma série de funções extras como geolocalização com o recurso "Passaport", triplicou a busca pela cidade (um aumento de 211%) . A função permite trocar a localização e está disponível apenas para quem paga pelo serviço. Sendo assim, com a presença dos atletas e do público para os Jogos Olímpicos, a cidade saiu de sétimo para o primeiro lugar entre as mais procuradas e “conquistou a medalha de ouro”, ultrapassando Londres e Nova York.
Tinder é sucesso no Rio por causa dos jogos (Foto:Reprodução/TechTudo)
Um comunicado oficial divulgado pelo Tinder na última quinta-feira (11), explica que antes mesmo do início dos jogos olímpicos Rio 2016 a cidade carioca já era a segunda maior cidade brasileira no aplicativo e registrava 15% mais matches do que a média global.
“Estamos muito felizes com esta repercussão no Rio de Janeiro. ...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.