Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por padrão, o Windows 10 mostra cerca de doze itens na lista de arquivos abertos recentemente por um determinado aplicativo no menu no sistema operacional. Em versões anteriores, era possível alterar o número de documentos que apareciam nessa lista: somente alterando uma opção nas propriedades da barra de tarefas. Mas a Microsoft removeu esse recurso no Windows 10. Para ajudá-lo a resolver essa limitação, veja o que precisa ser feito para aumentar o histórico de arquivos abertos recentemente no Windows 10, alterando o registro do sistema.

Os problemas mais comuns do Windows 10 e como solucionar

Aumente o histórico de arquivos abertos recentemente no Windows 10 (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Aumente o histórico de arquivos abertos recentemente no Windows 10 (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)


Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Passo 1. Execute o Editor de Registro do Windows: pressione as teclas Windows + R simultaneamente. Na pequena janela que aparece, digite “regedit” (sem as aspas) e tecle enter, ou clique no botão “OK”. Quando for solicitado, forneça a senha ou toque no botão “Sim”, para autorizar a execução;

Executando o Editor de Registro no Windows 10 (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Executando o Editor de Registro no Windows 10 (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 2. Com o Editor do Registro aberto, navegue até a chave “HKEY_CURRENT_USER\SOFTWARE\Microsoft\Windows\CurrentVersion\Explorer\Advanced”;

Adicionando a chave Advanced no registro do Windows (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Adicionando a chave "Advanced" no registro do Windows (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 3. Em seguida, clique com o botão direito do mouse na pasta “Advanced”. No menu que aparece, vá na opção “Novo”, depois em “Valor DWORD (32 BITS)”;

Adicionando um novo valor dentro da chave Advanced (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Adicionando um novo valor dentro da chave "Advanced" (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 4. Nomeie o item como “JumpListItems_Maximum” (sem as aspas) e tecle enter para confirmar;

Nomeando o valor JumpListItems_Maximum (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Nomeando o valor "JumpListItems_Maximum" (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Passo 5. Dê um duplo clique no valor “JumpListItems_Maximum” para editá-lo. Na pequena tela que será exibida, preencha o campo “Dados do Valor” com o número de itens recentes que você deseja ver na lista. Toque no botão “OK” e feche o Editor de Registro do Windows.

Ajustando o valor JumpListItems_Maximum (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Ajustando o valor "JumpListItems_Maximum" (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

Pronto! A partir de agora, verá a quantidade de itens que configurou. Quando precisar, repita o processo para mudar o número de documentos visíveis.

Quais placas de vídeo podem ser usadas com Windows 10? Troque dicas no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.