No Man's Sky apresentou um universo quase infinito com quintilhões de planetas diferentes para explorar, mas apenas recentemente os jogadores começaram a compreender que existe um método de classificação entre os sistemas. Ao utilizar esses dados, você pode encontrar os planetas mais ricos em recursos do game ou mesmo os que têm aventuras mais interessantes para serem vividas. Saiba como aproveitar: Como jogar No Man’s Sky e sobreviver na jornada pelo universo Há basicamente quatro tipos de sistemas no mapa galáctico que se formam ao redor das estrelas do universo do jogo, classificados por cores e letras. No entanto, elas não são imediatamente acessíveis. Para ganhar o privilégio de acessar os “melhores” planetas de No Man’s Sky, você precisa fazer upgrades na nave.
No Man's Sky possui belos planetas para visitar se você souber como encontrá-los (Foto: Reprodução/Rafael Monteiro)
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone O Hiperpropulsor garante acesso aos planetas mais básicos dos sistemas G e F, mas, para ir além, será preciso reunir plantas de Reatores de Dobra: Sigma, Tau e Teta, que permitirão que você vá mais longe e também tenha acesso aos sistemas específicos. As plantas para construí-los podem ser encontradas em diversos locais do jogo, como instalações alienígenas e naves caídas. Planetas simples Eles podem ser encontrados em sistemas classificados com as letras G e F, são sistemas que se formam ao redor de estrelas amarelas. Neste tipo de sistema estão planetas mais rochosos e desérticos, com pouca flora e fauna e pequenas quantidades de recursos raros, nada muito impressionante. Eles podem ser acessados com o Hiperpropulsor padrão do jogo.
Planetas com as letras G e F não são muito interessantes e possuem poucos recursos raros em No Man's Sky (Foto: Reprodução/Rafael Monteiro)
Planetas elaborados Classificados pelas letras K e M, eles se formam em sistemas ao redor de estrelas avermelhadas. São um pouco melhores que os planetas dos sistemas G e F, com mais fauna, maior diversidade na vegetação e até alguns recursos raros, além da presença de água normalmente. Para acessá-los você precisa ter um Reator de Dobra Sigma na nave.
Planetas de sistemas K e M são um pouco melhores, mas ainda longe do ápice de No Man's Sky (Foto: Reprodução/Rafael Monteiro)
Planetas ricos em recursos Indicados por sistemas com a letra E, planetas ricos em recursos se formam ao redor de estrelas verdes. Estes planetas...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.