A linha Moto Z foi anunciada pela Motorola em junho, num evento nos Estados Unidos. O smartphone com design modular ainda não chegou ao Brasil, mas já tem um novo modelo que deve agradar bastante os brasileiros: o Moto Z Play, com especificações mais simples e preço mais em conta. O celular foi apresentado pela fabricante na Alemanha, durante a feira de eletrônicos de Berlim (IFA 2016).
Também testamos o Moto Z, celular da Lenovo com capinhas 'inteligentes'
Além da conveniência de permitir a adição de módulos – como a câmera Hasselblad com zoom ótico, de que falarei daqui a pouco –, ele promete autonomia de bateria de 50 horas. Isso mesmo: mais de dois dias sem precisar plugá-lo na tomada, de acordo com a Motorola.
As primeiras impressões do Moto Z Play foram positivas. O processador Snapdragon 625 (octa-core a 2,0 GHz) não apresentou engasgos ao navegar na internet e brincar com outros aplicativos. Claro que, para uma análise mais completa, ainda precisamos testá-lo por um período mais longo e em condições mais cotidianas.
O Moto Z Play foi apresentado na IFA 2016 com tela de 5,5 polegadas (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone
A memória RAM de 3 GB realizou um bom trabalho, ao menos no contato inicial com o smartphone Android. Em tese, ele tem tudo para se sair melhor do que diversos aparelhos que atualmente são intermediário com somente 2 GB de RAM, como é o caso do Moto G 4, outro produto da Motorola.
As tais 5...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.