Ao longo dos anos, a AMD construiu uma reputação de ser a melhor escolha quando o assunto é a montagem de qualquer computador que tenha que caber dentro de um orçamento mais restrito. Essa fama se mantém verdadeira nos dias de hoje, mas, perto do lançamento de uma nova arquitetura Zen da marca, o baixo custo das APUs e CPUs da fabricante atualmente no mercado acabam levantando alguns questionamentos: vale a pena comprar processadores em fim de ciclo, vias de se tornarem defasados? As limitações de upgrades são um problema?
Polaris, Vega e Pascal: conheça as arquiteturas gráficas da AMD e Nvidia
Para responder essas perguntas, confira a análise a seguir. Se você não tem como esperar até os novos processadores da AMD chegarem, talvez seja interessante pensar no melhor custo benefício da linha atual da marca no momento, ou ir em busca de um bom componente equivalente da Intel.
Nova linha de processadores da AMD vai tornar produtos atuais obsoletos (Foto: Divulgação/AMD)
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone
Se  você, por outro lado, pode esperar um pouco, é interessante calcular bem a perspectiva de que, em alguns meses, será possível comprar novos processadores da AMD com arquitetura completamente nova, suporte às novas tecnologias como o DDR4 e com performance superior. O problema do upgrade A grande questão em torno da montagem de um PC com processadores da AMD atuais é o fato de que, no momento, as APUs e CPUs da marca usam plataformas que serão descontinua...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.