Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

As playlists são uma ótima forma de catalogar vídeos do YouTube de acordo com o tema ou para compartilhar com amigos. Dependendo do objetivo de uma lista, o usuário pode defini-la como pública, particular ou não listada para assegurar a sua privacidade e que ninguém mais veja. No tutorial abaixo, veja as diferenças entre as playlists do YouTube e configure as suas.

Como evitar que o Google salve seus dados de navegação sem autorização

Diferença entre playlists públicas, particulares e não listadas

Ao configurar a privacidade de uma lista do YouTube, o usuário pode decidir quem poderá vê-la, onde aparecerá e também como pode ou não ser compartilhada.

YouTube pode lançar Backstage, espaço que trará as funcionalidades de uma timeline para dentro da plataforma de vídeos (Foto: Luciana Maline/TechTudo) (Foto: YouTube pode lançar Backstage, espaço que trará as funcionalidades de uma timeline para dentro da plataforma de vídeos (Foto: Luciana Maline/TechTudo))Pública, particular ou não listada; entenda as playlists no YouTube (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

As listas públicas são publicadas no perfil do usuário assim que criadas, podem ser adicionadas à seções de canais, aparecem nas buscas do site e podem ser compartilhadas através do link (URL).

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

As playlists não listadas dão maior controle ao criador de escolher quem poderá assistir. Não aparecerão na busca do YouTube e nem em vídeos relacionados, podendo ser acessadas só por quem tiver o link ou quando o usuário adicioná-las à seção de um canal.

Configurações de privacidade de playlists no YouTube (Foto: Arte/TechTudo)Configurações de privacidade de playlists no YouTube (Foto: Arte/TechTudo)

Por fim, as listas privadas são acessíveis apenas pelo usuário que as criaram, garantindo maior privacidade. 

Como mudar privacidade da sua lista:

Passo 1. Na tela inicial do YouTube, procure pela opção “Biblioteca” na lista lateral e toque na playlist que deseja mudar as configurações;

Usuário pode mudar privacidade de playlists a partir de tela inicial do YouTube (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Usuário pode mudar privacidade de playlists a partir de tela inicial do YouTube (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Passo 2. Na tela seguinte, clique em “Configurações da Playlist”;

Clique em configurações da playlist para alterar privacidade no YouTube (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Clique em configurações da playlist para alterar privacidade no YouTube (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Passo 3. Em “Privacidade da playlist” escolha uma das opções: público, privada ou não listada;

Escolha se deseja que playlist do YouTube seja pública, privada ou não listada (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Escolha se deseja que playlist do YouTube seja pública, privada ou não listada (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Passo 4. Se quiser, desmarque ou marque a opção “Permitir incorporação” para impedir ou permitir, respectivamente, que a playlist seja publicada em algum site;

Usuário pode impedir que lista seja incorporada a outros sites (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Usuário pode impedir que lista seja incorporada a outros sites (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Paso 5. Toque em “Salvar” para finalizar.

Toque em salvar para alterar configurações da playlist do YouTube (Foto: Reprodução/Elson de Souza)Toque em salvar para alterar configurações da playlist do YouTube (Foto: Reprodução/Elson de Souza)

Pronto! Agora você já sabe como mudar a privacidade das suas playlists no YouTube. Caso não tenha encontrado sua playlist na tela inicial, você pode seguir o caminho: Meu Canal > Gerenciador de vídeos > Playlists > Editar.

Como evitar que um vídeo trave? Comente no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.