O Twitter permite que seus usuários protejam o conteúdo publicado no microblog e evitem que outras pessoas possam acessá-lo sem autorização. Quando isto ocorre, apenas os seguidores da conta tem acesso ao que é publicado.Excluiu seu Twitter e quer voltar para o microblog? Saiba como reativar
Esta opção pode ser ativada a qualquer momento na página de configurações da plataforma. Para saber se uma conta que você segue é protegida, basta abrir um de seus tuítes e procurar por um ícone de cadeado (forma usada pelo site para fazer esta diferenciação).
Privacidade no Twitter: entenda como funcionam os tuítes protegidos (Foto: Marvin Costa/TechTudo)
A diferença principal entre os tuítes protegidos e públicos é a limitação das pessoas que podem acessar estes posts. Esta mudança não afeta o acesso concedido a aplicativos de terceiros, que ainda podem ver conteúdos protegidos. Segundo o Twitter, há também a chance deles serem baixados ou compartilhados novamente. 
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone
Quando uma conta é protegida, passa a seguir algumas regras diferentes: os usuários precisam aprovar novos pedidos de contatos que queiram segui-los e todos os tuítes publicados só serão visíveis para estas pessoas – que não serão capazes de retuítar estes conteúdos.
Tuítes protegidos são acompanhados do ícone de um cadeado (Foto: Reprodução/Twitter)
Ao mesmo t...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.