Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Em meio a design rejuvenescido, hardware atualizado e convergência para portas Thunderbolt apenas, a grande novidade dos novos MacBook Pro da Apple, apresentados na última quinta (27), foi mesmo a Touch Bar: uma pequena tela OLED localizada no topo do teclado, que agrega funções e atalhos específicos e foi desenvolvida com o propósito de substituir a linha de teclas de funções (ESC, F1, F2, F3 e etc).

MacBook Pro desliga sozinho? Veja possíveis problemas e como resolver

A nova tela, que é a grande inovação dessa geração de laptops da Apple, levanta uma série de dúvidas a respeito do seu funcionamento. Abaixo você fica por dentro de como ela funciona e o que ela permite.

Para que serve?

Touch Bar conta com atalhos que variam conforme o aplicativo que está sendo executado (Foto: Divulgação/Apple)Touch Bar conta com atalhos que variam conforme o aplicativo que está sendo executado (Foto: Divulgação/Apple)

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

A princípio, a Touch Bar substitui a linha de teclas de função: atalhos que eram encontrados nessas teclas, como regulagem do volume e da intensidade do brilho da tela do computador passam a ser acessíveis nos atalhos suportados pelo visor.

Além disso, a Apple demonstrou uma série de usos mais específicos da barra. Em aplicativos que suportam o recurso, será possível usar a novidade para fazer regulagens precisas em ferramentas, na linha dos ajustes em incrementos muito úteis em aplicativos de edição de imagem, vídeo e som – todos essenciais para o público profissional que é o alvo do MacBook Pro há anos.

Em geral, o comportamento e o tipo de recursos oferecido pela touchbar se adaptam diretamente ao tipo de aplicativo que está sendo executado. O Photoshop terá funções habilitadas diferentes das presentes no Microsoft Word, por exemplo.

Apple Touch ID

Um detalhe interessante associado à chegada da pequena tela OLED aos teclados dos MacBook Pro é o fato de que há um sensor de impressões digitais capaz de fazer o papel de recurso biométrico para autenticação. Dessa forma, a mesma Touch ID usada no iPhone pode ser aplicada para desbloquear o MacBook sem a necessidade de uma senha.

Personalização

Touch Bar já tem suporte em todos os apps nativos do macOS (Foto: Divulgação/Apple)Touch Bar já tem suporte em todos os apps nativos do macOS (Foto: Divulgação/Apple)

O usuário poderá dar a sua cara aos atalhos disponíveis na barra. Usando o comando Editar no Finder, é possível encontrar uma guia para personalização dos atalhos. Basta arrastar o atalho de interesse pela tela em direção à borda inferior para que os atalhos surjam na Touch Bar. O nível de customização não parece, a princípio, tão elevado, mas ainda assim é possível definir uma série de funções úteis na nova tela, como controle para capturar tela, controle de conexão de rede e botão “não perturbe”, por exemplo.

Suporte em aplicativos

Apps importantes do Mac também oferecem suporte à Touch Bar (Foto: Divulgação/Apple)Apps importantes do Mac também oferecem suporte à Touch Bar (Foto: Divulgação/Apple)

Todos os apps da Apple presentes no macOS Sierra já são desenvolvidos para funcionar com a Touch Bar. As funcionalidades variam de acordo com cada aplicativo: ao ver fotos, o usuário poderá navegar entre o conteúdo de um álbum apenas deslizando o dedo sobre a telinha; há um botão dedicado para chamar a Siri, no Safari a barra vai permitir navegar entre favoritos e alternar de forma simples entre eles e assim por diante.

Em relação a apps de terceiros, o suporte à Touch Bar depende diretamente do desenvolvedor do aplicativo. O processo pode demorar um pouco, mas em todo caso, uma grande quantidade de apps famosos do Mac já têm, ou prometeram para breve, suporte: Photoshop, Final Cut, Office, Pixelmator, DaVinci Resolve e DJ Pro são exemplos.

Onde foi parar o ESC?

A tecla ESC, bem como funções de controle de brilho e volume, por exemplo, ainda podem ser acessadas na barra usando a tecla FN (Foto: Divulgação/Apple)A tecla ESC, bem como funções de controle de brilho e volume, por exemplo, ainda podem ser acessadas na barra usando a tecla FN (Foto: Divulgação/Apple)

Uma das teclas aposentadas pela nova Touch Bar é o ESC (mas há outras, como Print Screen e etc). A Apple, não parece nenhum pouco preocupada com isso porque, no fim das contas, o usuário ainda terá acesso às funções associadas à antiga linha de teclas segurando o botão FN no teclado.

MacBook Pro 2016 tem data de lançamento e preço no Brasil? Descubra no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.