Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Call of Duty: Infinite Warfare chegou ao PS4, Xbox One e PC, trazendo a nova geração de game de tiro em primeira pessoa da Activision para os consoles de última geração. Apesar de ser um jogo que tem como principal destaque o modo online, ele não renega suas origens e o modo de campanha ou história.

Veja a evolução dos gráficos de Call of Duty, popular franquia de tiro

Confira detalhes da produção, previsão de lançamento em outros consoles e novidades na entrevista com Eric Monacelli, diretor de comunicação do estúdio Infinity Ward, que revelou ainda o que os fãs podem esperar da aventura – que chega recheada de conteúdo.

Infinite Warfare é o Call of Duty com história caprichada (Foto: Divulgação/Activision)Infinite Warfare é o Call of Duty com história caprichada (Foto: Divulgação/Activision)

Segundo Monacelli, Infinite Warfare tem um conteúdo multiplayer vasto, e com novidades, mas não se inspira em outros jogos da Activision e da Blizzard, como Overwatch ou Destiny. “Nós vamos ter a nossa própria visão única em Infinite Warfare. Nosso multiplayer é focado em dar aos jogadores o máximo de maneiras possíveis de personalizar a sua experiência para se adequar ao seu estilo de jogo”, contou.

O produtor garantiu ainda que a criação de armas, apesar de não ser algo necessariamente inédito, pode trazer uma nova dinâmica ao game. “O sistema de criação de armas permitirá aos jogadores inventar quase qualquer arma para jogar no multiplayer. Os jogadores podem ganhar Salvage, a moeda usada no weapon crafting, desmantelando armas duplicadas conquistadas em 'supply drops' após partidas ou simplesmente logando no jogo diariamente”, ampliou.

Eric Monacelli é produtor de Call of Duty Infinite Warfare (Foto: Divulgação/Activision)Eric Monacelli é produtor de Call of Duty Infinite Warfare (Foto: Divulgação/Activision)

Futuros famosos

Infinite Warfare também vai seguir a tendência de outros jogos da série e trazer algumas celebridades no elenco, como o piloto de F1, Lewis Hamilton, ou o ator de Game of Thrones, Kit Harrington. Para Eric Monacelli, esse tipo de participação é quase natural, já que os astros também são gamers. “Muitas vezes descobrimos que as celebridades são grandes fãs da franquia e vão achar tempo para participar ou ter um papel na nossa narrativa, apesar da agenda lotada, pois há interesse mútuo”, disse.

Além disso, o cenário de futuro extremo do game é uma novidade para Call of Duty, ainda que o anterior já tenha “pincelado” essa ambientação. Monacelli conta como chegaram à decisão de ter essa época de história. “Fizemos uma pesquisa para descobrir o que fazia sentido para a história. Estamos contando uma história clássica de guerra com rico elenco de personagens globais. Depois de chegarmos a uma base com a equipe narrativa, eles conversaram com os nossos conselheiros militares sobre que tipo de ambientação seria interessante para a guerra. Todos apontaram para o céu já escuro, indicando que é para onde estamos indo com a guerra”, adicionou.

Astro de Game of Thrones está em Call of Duty Infinite Warfare (Foto: Divulgação/Activision)Astro de Game of Thrones está em Call of Duty Infinite Warfare (Foto: Divulgação/Activision)

Por conta da ambientação, Infinite Warfare vai trazer ainda mais momentos de ação de tirar o fôlego e surpresas na campanha, que será rica e funcionará em sintonia com o multiplayer. “Na Infinity Ward, o modo campanha sempre informou e ajudou a moldar os temas e conteúdos do multiplayer. Isso ajuda a tornar o jogo mais completo e expõe a ficção que molda os modos de jogo. Por exemplo, o nosso multiplayer é UNSA contra o SDF. Você pode jogar o multiplayer sem saber o que essas facções representam, mas para entender completamente o que está em jogo a profundidade da história de cada uma das facções, você precisa ir para o modo single player”, comentou.

E é claro que há a previsão para que Infinite Warfare enriqueça ainda mais os eSports com a Activision e com a série Call of Duty, e em como isso vai afetar as mudanças futuras. “O beta foi apenas uma amostra do que o multiplayer pode oferecer. Nós revelamos recentemente a maioria dos nossos recursos eSports para o game via live stream. Nós também planejamos discutir o que aprendemos com o beta e como isso afeta a versão de lançamento do jogo”, revelou. Segundo o Monacelli, “atualmente não há uma versão final de um jogo. Ele está sempre em desenvolvimento e atualização”.

Call of Duty Infinite Warfare rodará bem no PS4 Pro (Foto: Divulgação/Activision)Call of Duty Infinite Warfare rodará bem no PS4 Pro (Foto: Divulgação/Activision)

Por fim, o produtor garante que Call of Duty Infinite Warfare vai rodar perfeitamente no PS4 Pro, nova versão do console da Sony, que sai também em novembro, como demonstrado há algumas semanas – com gráficos em 4K e rodando a 60 quadros por segundo. Quanto ao Xbox “Scorpio”, nada foi falado.

Já sobre o Nintendo Switch, console da Nintendo, o produtor apenas elogiou a novidade, mas não garantiu uma edição do game no aparelho. “Definitivamente, é um console interessante. Portátil e com um design único. Porém, no momento, não temos planos de lançar algo para ele”, finalizou.

Qual o melhor Call of Duty da franquia? Comente no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.