Uma nova versão do Spotify para desktops vai finalmente corrigir um problema que armazenava uma grande quantidade de dados desnecessários no disco dos usuários. O bug foi relatado em junho de 2016, mas só foi resolvido cinco meses depois.
Como mudar conta do Spotify e desvincular login do Facebook
A falha do aplicativo representa um risco para, por exemplo, usuários de discos SSD. Esses dispositivos de armazenamento possuem um "tempo de vida" limitado, e este limite depende do número de vezes em que novos dados são gravados. Com o fim da vida útil – de maneira antecipada – do hardware, a sua substituição será necessária em um período de tempo menor do que normalmente seria sem o problema gerado pelo bug.
Bug no Spotify armazena dados inúteis em computadores de usuários (Foto: Marvin Costa/TechTudo)
Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular
O bug afeta as versões do Spotify para Linux, Mac OS X e Windows. O problema foi denunciado nos fóruns do aplicativo, com relatos de casos em que vários gigabytes de dados inúteis eram gravados – o que só acontecia quando a plataforma estava ociosa e não armazenava nenhuma música na memória local. A quantidade de dados escritos pode variar com o tempo em que o aplicativo é deixado aberto, mas sem funcionar. Ela alcança entre 5 a 10 GB em menos ...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.