A Microsoft anunciou, nesta quarta-feira (16), que investirá parte de suas receitas para ajudar no desenvolvimento da plataforma Linux. Durante o Connect, evento voltado para desenvolvedores, a empresa do sistema Windows informou que agora faz parte da Linux Foundation. 
Microsoft corrige falha apontada pelo Google e põe fim a polêmica A Linux Foundation é uma organização sem fins lucrativos que surgiu em 2007, depois da fusão de outros dois grupos, o OSDL (Open Source Development Labs) e o FSG (Free Standards Group). Tem por objetivo promover, proteger, patrocinar e padronizar a plataforma Linux em diversas variantes.
Microsoft se une a Linux Foundation e manifesta apoio ao Software Livre (Foto: Zíngara Lofrano/TechTudo) 
Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular
No anúncio, a Microsoft revelou que entrou para a organização como um membro Platinum, a mais alta categoria da fundação. Sendo assim, doará US$ 500 à Linux Foundation por ano, cerca de R$ 1.700.000 na cotação de hoje.
Dessa forma, a Microsoft se junta a outras empresas que também são membros Platinum, como a Intel, Oracle e HP.
Qual é o melhor antivírus grátis? Comente no Fórum do TechTudo. Scott Guthrie, que trabalha como líder da divisão de cloud computing e mercado corporativo da Microsoft, falou sobre a novidade: “A Linux Foundation é o lar não só do Linux, mas também de muitos projetos de código aberto inovadores da comunidade. Estamos entusiasmados por nos juntarmos à fundação." Apesar do impacto, a informação n...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.