A Microsoft interrompeu desde o último dia 2 de dezembro, temporariamente, o ciclo de atualizações de teste do Windows 10. Membros do programa Windows Insider não receberão builds por enquanto, mas por uma boa razão: a fabricante está mudando o mecanismo de updates por completo. Com o novo padrão UUP (em português, Plataforma Unificada de Atualização), a promessa é de que os downloads fiquem mais leves a cada novidade do sistema operacional.
Como saber se alguém tentou fazer login no seu PC com Windows 10
Microsoft vai tornar atualizações mais ágeis para PC (Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo)
Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular
O UUP será responsável por analisar, caso a caso, o computador do usuário na hora da atualização e baixar somente os arquivos necessários. Dependendo das builds instaladas anteriormente, o pacote baixado poderá ser maior ou menor. Além disso, a promessa é de reduzir consideravelmente o processamento local da tarefa. A ideia é usar servidores para a análise e, então, oferecer o menor download possível como atualização. O resultado esperado inclui atualizações menores para poupar armazenamento do computador e dados transferidos – aliviando a banda de internet do usuário e da própria Microsoft.
Dúvidas sobre o Windows 10? Veja respostas e dicas no Fórum do TechTudo. A empresa começará ...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.