Durante a abertura da apresenta??o sobre as novidades de Windows 10, assunto da coluna da semana passada e da anterior, Terry Myerson, Vice Presidente Executivo do grupo de Sistemas Operacionais da Microsoft, afirmou que Windows 10 proporcionar? uma transi??o impercept?vel para os usu?rios de Windows 8 e de Windows 7.

Veja todas as colunas do B. Piropo

Windows 10 (Foto: Divulga??o/Microsoft)Microsoft afirma que o Windows 10?proporcionar? uma transi??o impercept?vel?para os usu?rios (Foto: Divulga??o/Microsoft)

Para quem n?o vem acompanhando a evolu??o da vers?o Windows 10 Technical Preview distribu?da aos membros do Programa Windows Insider, tamb?m citado nas referidas colunas, as interfaces com o usu?rio de Windows 7 e Windows 8 s?o t?o diferentes que tal afirma??o pode parecer despropositada. Mas para quem, como eu, a vem usando quase desde o nascedouro, ela ? perfeitamente compreens?vel.

Vamos ver o porqu? desta minha opini?o.

Come?ando do come?o: l? pelos idos de outubro do ano passado, com o programa Windows Insider rec?m lan?ado, decidi inscrever-me nele n?o apenas por dever de of?cio, mas por curiosidade. Curiosidade de descobrir como a MS iria tentar resolver a cangancha em que se meteu ao lan?ar um sistema como Windows 8, t?o diferente de seus antecessores e otimizado para as telas sens?veis ao toque, um tipo de dispositivo de entrada que, sem d?vida, apontava para o futuro mas que ainda era relativamente raro, particularmente entre as m?quinas de mesa ? mercado no qual Windows 7 reina como l?der inconteste.

Instalei o sistema em minha m?quina auxiliar, mas como n?o podia me mudar de mala e cuia para ela porque precisava dos aplicativos instalados na m?quina de trabalho, por certo per?odo dividi meu tempo entre ambas. Mas as obriga??es que me mantinham preso ? m?quina de trabalho exigiam tanto de mim que minhas visitas ? m?quina auxiliar, onde reside Windows 10, acabaram rareando.

Pois bem, no in?cio de janeiro passado, quando tive not?cia do evento que seria promovido para divulgar as novidades e o novo rumo que Windows tomaria (e que discuti aqui mesmo nas duas colunas mais recentes), decidi dedicar mais tempo ? m?quina com Windows 10 para me preparar para o evento. E fiquei t?o surpreso com a rapidez com que as coisas mudaram e t?o encantado com as mudan?as que acabei por instalar nela os aplicativos que uso mais frequentemente e c? me aboletei, inclusive para cumprir minhas tarefas de trabalho, e dificilmente retornarei ? outra. Esta coluna, por exemplo, est? sendo editada nela, com o Technical Preview atualizado para a etapa de desenvolvimento (?build?) 9926. Uma evolu??o e tanto, j? que a primeira a ser instalada foi a 9860.

E porque tanto me encantei com ela?

Bem, para come?ar o aspecto do sistema ficou mais simples e, com esta simplicidade, mais bonito. As janelas dos aplicativos mantiveram todos os seus elementos, mas perderam as bordas e os cantos arredondados. Os menus ficaram mais ?limpos? e, nos aplicativos que a usam (cujo n?mero ? cada vez maior) a Faixa de Op??o (?ribbon?) tornou-se bem mais singela. E, devido ? necessidade de padronizar os principais elementos do sistema e facilitar sua identifica??o mesmo nas telas m?nimas dos aplicativos de pequeno porte, os ?cones ficaram mais simples e elegantes.

GPC20150206_1Janela de configura??es no Windows 10 (Foto: Reprodu??o/B.Piropo)

Veja, na Figura 1, como ficou a janela de configura??es do sistema. Ela substituiu aquela detest?vel ?Barra de Charms?, que se escondia sob a lateral direita da tela e que, nas m?quinas sem tela sens?vel ao toque, obrigava o usu?rio a executar uma aborrecida dan?a com o ponteiro do mause at? conseguir ?pesc?-la? de seu esconderijo. Agora, para abrir as configura??es, basta acionar o novo Menu Iniciar (sim, o menu Iniciar, logo falaremos dele) e clicar no ?cone correspondente,

... aquele com a tradicional forma de engrenagem.

Um ponto que vale comentar: se voc? est? lendo esta coluna em uma m?quina com Windows, abra seu Painel de Controle e o compare com a Figura 1. A semelhan?a, garanto, n?o ? acidental. O que significa que a morte do Painel de Controle pode ser esperada para breve, j? que tudo indica que ele ser? substitu?do pelas ?Configura??es?, ?s quais suas fun??es j? foram incorporadas.

Agora, ao Menu Iniciar, assunto pelo qual, presumo, grande parte dos meus preclaros leitores est? esperando com indisfar??vel ansiedade, j? que sua elimina??o foi a mais pranteada das altera??es introduzidas pela MS em Windows 8 e, por incr?vel que pare?a, raz?o suficiente para que a um n?mero significativo de usu?rios se recusasse a abandonar Windows 7. Pois bem: ele voltou, evoluiu e, desta vez, a solu??o encontrada pela MS me pareceu n?o somente funcional como tamb?m engenhosa e inteligente.

Sen?o vejamos.

GPC20150206_2Menu Iniciar no Windows 7 (Foto: Reprodu??o/Wikipedia)

Em Windows, o Menu Iniciar apareceu na vers?o 95. Depois foi evoluindo at? chegar ao idolatrado modelo usado em Windows 7, cujo aspecto (imagem obtida na Wikipedia) aparece na Figura 2.

Durante anos a fio os usu?rios de Windows se acostumaram a recorrer ? sua entrada ?Todos os programas? (na figura, em ingl?s, ?All programs?) quando queriam carregar um programa. Os mais usados podiam ser fixados no painel esquerdo, onde ficavam bem ? vista e eram acessados diretamente. Havia uma muito pr?tica caixa de pesquisas na base do painel esquerdo enquanto o direito oferecia praticamente tudo o que o usu?rio precisava para gerenciar seu computador, desde acesso a documentos, m?sicas, imagens e v?deos at? configura??es de rede e itens que exigiam conhecimentos arcanos. E o melhor: tudo isto era configur?vel, pondo-se nele ou tirando-se dele o que melhor aprouvesse ao usu?rio. Pensando bem, o menu Iniciar era uma ferramenta de inigual?vel utilidade e os usu?rios que ainda o pranteiam n?o deixam de ter raz?o: trocar uma maravilha como aquela pela Tela Iniciar de Windows 8, no que toca a mudan?as de interfaces, foi um dos maiores dislates dos quais tomei conhecimento neste quarto de s?culo que escrevo sobre inform?tica e tecnologia.

A grita foi geral. Os fieis usu?rios de Windows 7 revoltaram-se. E os menos fieis se contentaram em n?o gostar. Que gostasse, mesmo, da Tela Iniciar, n?o conheci ningu?m. E, pior: manter o ?cone do Menu Iniciar (ou um muito parecido) e fazer com que um clique nele levasse ? odiada Tela Iniciar foi juntar o insulto ao esc?rnio. E de pouco adiantou alegar que, clicando com o bot?o direito naquele mesmo ?cone, praticamente tudo o que o bom e velho Menu Iniciar oferecia, desde o Painel de Controle at? o Gerenciador de dispositivos, reaparecia.

N?o adiantou. A turma queria mesmo era o Menu Iniciar.

GPC20150206_3Simulacro do menu iniciar do Windows 8.1 (Foto: Reprodu??o/B.Piropo)

Ent?o v? l? que seja. Se ? Menu Iniciar que querem, tomem l? de volta o Menu Iniciar. E a MS lan?ou Windows 8.1 com seu simulacro de Menu Iniciar. A? est? ele, na Figura 3, uma repeti??o da figura usada por mim na coluna publicada aqui mesmo em outubro passado com o t?tulo ?Windows 10: a triste ressurrei??o do Menu Iniciar?. Uma solu??o, digamos, ahnn, como classific?-la? ?Porca?, talvez? Talvez n?o, mas ? o adjetivo que me ocorre quando penso nela.

Aquela foi o tipo da solu??o que n?o satisfez a ningu?m. A quem gostava (se ? que havia quem gostasse) da Tela Iniciar de Windows 8.x, n?o agradou porque na verdade correspondeu a uma redu??o da ?rea dita tela. A quem sofria da abstin?ncia do menu Iniciar de Windows 7 tamb?m n?o agradou porque apesar da volta da entrada ?Todos os Aplicativos? e da caixa de pesquisas, n?o somente faltava muita coisa que havia no extinto menu Iniciar de Windows 7 como o aspecto era totalmente diferente (apesar das entradas correspondentes aos aplicativos de gerenciamento da m?quina continuarem dispon?veis ao se clicar com o bot?o secund?rio do mause no novo menu Iniciar). E pior: era uma solu??o do tipo ?ou / ou?: ou se operava a m?quina usando este desagrad?vel arremedo de menu Iniciar ou se operava a m?quina usando a pavorosa Tela Iniciar. N?o havia como combinar as duas coisas, o que, afinal, poderia ajudar os usu?rios a se acostumarem com uma ou outra e aprenderem, com o h?bito, a usar ambas. Ou, pelo menos, aquela com a qual melhor se adaptasse.

Pois bem: para a minha (agrad?vel) surpresa a MS achou uma solu??o inteligente e criativa para o problema que n?o sei se agradou ? maioria dos usu?rios, mas acho que ? a que maior chance tem de faz?-lo. Pelo menos a mim, agradou bastante.

GPC20150206_4Novas fun??es do menu iniciar do Windows 10 (Foto: Reprodu??o/B.Piropo)

A? est?, na Figura 4, o aspecto do novo menu Iniciar do est?gio (?build?) 9926 de Windows 10. E n?o se deixe enganar pelo fato de ele parecer tanto com o antigo, mostrado na figura anterior. Vamos analis?-lo para que se entenda a diferen?a.

A entrada ?Todos os aplicativos? l? est?, assinalada pela seta 1. ? verdade que quem reparou no menu Iniciar estropiado mostrado na Figura 3 deve ter notado que ela tamb?m l? estava. A diferen?a ? que a do novo menu Iniciar abre, no painel esquerdo, um conjunto de entradas absolutamente an?logo ao que aparece no velho e saudoso menu Iniciar de Windows 7, mudando apenas a apar?ncia dos ?cones. Mas a lista de todos os aplicativos e sua estrutura de pastas ? exatamente a mesma a que todos estavam acostumados (o da Figura 3 mostrava apenas um conjunto de ?cones de programas, sem qualquer estrutura hier?rquica).

A Caixa de Pesquisas voltou, e voltou revista e melhorada. L? est? ela assinalada com a seta 2 e agora, al?m de efetuar pesquisas em todos os programas e arquivos do computador, executa tamb?m uma busca na Internet. Mudou, e mudou para melhor. Incidentalmente: o acionar do menu Iniciar apenas aumenta seu tamanho. Porque ela existe, permanentemente, na Barra de Tarefas, representada pelo ?cone em forma de lupa (que fica encoberto quando se abre o menu Iniciar).

A janela de Configura??es, mostrada na figura 1 e que vir? a substituir o Painel de Controle, pode ser acionada clicando-se em seu ?cone assinalado pela seta 3. Isto, naturalmente, caso seja este o desejo do usu?rio. Pois este ?cone, assim como todos os outros que aparecem no painel esquerdo ao se abrir o novo menu Iniciar, ? opcional, j? que todo o conte?do e apar?ncia do novo menu Iniciar ser? configur?vel pelo usu?rio (na etapa 9926 ainda n?o ?, mas o bot?o ?Personalizar?, presente por?m ainda n?o habilitado na aba ?Menu Iniciar? das ?Propriedades da Barra de Tarefas e Menu Iniciar?, indica que assim ser?).

Por outro lado, o bot?o ?Windows?, assinalado pela seta nr. 4, permanece refestelado no canto esquerdo da Barra de Tarefas. S? que agora ele n?o mais aciona a Tela Iniciar, que desapareceu para sempre (j? mencionaremos a fun??o que a substituiu), mas o pr?prio Menu Iniciar. E um clique com o bot?o secund?rio no pequeno bot?o Windows abre o mesmo menu de contexto com todas as facilidades para gerenciamento da m?quina.

Finalmente, o acionamento das fun??es ?Desligar?, ?Suspender? e ?Reiniciar? voltou ao menu Iniciar sob a forma do ?cone assinalado pela seta 5 (que, incidentalmente, ao ser clicado com o bot?o secund?rio, mostra a entrada ?Op??es de Energia?, importante para dispositivos m?veis).

Mas, a meu ver, a grande ?sacada? da MS se esconde no ?cone assinalado pela seta 6 da Figura 4. Um clique nele e veja o que ocorre, mostrado na Figura 5, uma captura de tela cheia.

GPC20150206_5Novo menu iniciar do Windows 10 possui a op??o tela cheia (Foto: Reprodu??o/B.Piropo)

Ela corresponde ao mesmo menu Iniciar, com todas as suas funcionalidades, por?m se apresentando em tela cheia (repare, na figura acima, que o aspecto do ?cone se altera para mostrar que um novo clique nele ?encolhe? o menu Iniciar para o canto inferior esquerdo da tela).

Algumas observa??es interessantes. Para come?ar, o que aparece na Figura 6 ? o menu Iniciar expandido, n?o a antiga Tela Iniciar. Esta, morreu, e espero que n?o ressuscite. Pois o menu Iniciar expandido cumpre ? e bem melhor ? o papel que ela cumpria.

O menu Iniciar expandido tamb?m pode ser personalizado, pode incluir qualquer dos blocos din?micos de Windows (que permanecem redimension?veis), pode receber grupos de aplicativos, em suma: apresenta todas as facilidades da extinta Tela Iniciar, por?m ? dotado de maior funcionalidade. E n?o ? uma configura??o ?ou / ou? como a que veio substituir: passa-se do menu Iniciar para ela, dela para o menu Iniciar e de qualquer uma delas para a ?rea de Trabalho ? que agora exibe os aplicativos ?modernos? (aqueles desenvolvidos especificamente para Windows 8.x) em janelas redimension?veis como qualquer velho aplicativo dos tempos de Windows 7.

Tudo nesta nova configura??o (ou praticamente tudo) ? personaliz?vel. A lista de programas representados pelos blocos din?micos ? a mesma tanto no menu Iniciar padr?o quanto no expandido. A diferen?a ? que o expandido cont?m mais blocos din?micos (compare o conte?do do painel direito do menu Iniciar contra?do da Figura 5 com a do menu expandido da Figura 6 e veja que os blocos din?micos que est?o nos grupos ?de cima? do menu expandido s?o os que aparecem no menu contra?do).

Esta, sim, ? uma solu??o que oferece tudo aquilo que o usu?rio precisa e pode ser usada de uma forma bastante semelhante ?quela a que ele j? est? acostumado h? anos com seus menus Iniciar tradicionais.

Em suma: n?o sei se a nova configura??o satisfar? os usu?rios que ainda choram o passamento do menu Iniciar de Windows 7. Pode ser que sim, pode ser que n?o e, quem sabe, pode ser que ainda n?o mas venha a satisfazer assim que eles se acostumarem com a mudan?a. Mas sei que tudo o que o velho menu Iniciar do Windows 7 oferecia, agora ? oferecido pelo novo menu Iniciar do ?build? 9926 da Technical Preview do Windows 10.

E o sistema operacional, este sem d?vida oferece muito mais.

Agora, ? esperar o que vai acontecer mais adiante.

Segundo fontes bem informadas a vers?o definitiva de Windows 10 aparecer? oficialmente ainda este semestre.

Ent?o, ? atualizar e rodar.

Pois afinal, quem leu as colunas anteriores, sabe que as atualiza??es para Windows 10 de Windows 7, Windows Phone 8.1 e Windows 8.1, ser?o gratuitas.

E, segundo o dito popular, ?de gra?a, at? inje??o no olho??

B. Piropo



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.