Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Mega Man, The Legend of Zelda: Ocarina of Time fazem sucesso até hoje, e graças a internet, esses títulos ficaram mais acessíveis aos fãs que querem voltar a jogar e relembrar a diversão da época. Porém, antes da internet, as locadoras de jogos foram uma parte importante da cultura gamer entre os anos 80 e 90 como um local para experimentar títulos antes de comprá-los ou jogar lançamentos sem ter que gastar muito, mas nem sempre era tão fácil ter um desses em mãos temporariamente, pois estavam sempre alugados. Relembre alguns dos jogos que não paravam nas prateleiras.

Simpsons, Superman: relembre desenhos que viraram jogos e decepcionaram

Castlevania (NES – 1986)

Hoje considerada uma série clássica dos anos 80, Castlevania foi uma franquia de games muito complexa para os jogadores da época e, por isso, muitas vezes deixada apenas como um aluguel ocasional. Sua atmosfera de terror era algo incomum e a referência a monstros como Drácula encantou a geração.

Castlevania do Nintendo 8 Bits era um dos games que estava sempre alugado nas locadoras (Foto: Reprodução/Life in 16-Bit)Castlevania do Nintendo 8 Bits era um dos games que estava sempre alugado nas locadoras (Foto: Reprodução/Life in 16-Bit)

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Eventualmente Castlevania 2: Simon’s Quest e Castlevania 3: Dracula’s Curse continuaram o legado, o segundo game, inclusive, com as primeiras noções de um mundo não linear para explorar da série. Isso tornou a série Castlevania muito popular para ser jogada com o auxílio de revistas de games da época.

Mega Man (NES – 1987)

Na época do Nintendo 8 Bits, a série Mega Man era um dos ápices da ação e diversão com a possibilidade de escolher em qual fase começar e quais chefes enfrentar durante a aventura. Pode parecer pouco, mas a escolha tornava o jogo muito diferente de outros do NES, o qual você podia apenas seguir em frente e, se não conseguisse passar de uma dificuldade, ficaria para sempre naquela fase.

A série Mega Man era um dos maiores sucessos do NES e muito popular em locadoras (Foto: Reprodução/Wikipedia)A série Mega Man era um dos maiores sucessos do NES e muito popular em locadoras (Foto: Reprodução/Wikipedia)

Mega Man permitia que você tentasse outras fases, adquirisse as armas de outros chefes e explorasse a fraqueza dos oponentes restantes, tudo isso com um sistema de senhas para guardar seu progresso. Todos esses elementos juntos faziam com que os games da série Mega Man nunca parassem nas locadoras.

Mônica no Castelo do Dragão (Master System – 1991)

Enquanto alguns jogadores tinham o NES da Nintendo, boa parte do Brasil estava conquistada pelo Master System da Sega, graças a uma estratégia de adequar seus produtos ao território nacional com ajuda da Tec Toy. Um dos frutos desse esforço foi Mônica no Castelo do Dragão, um dos primeiros games de sucesso com personagens brasileiros das revistas em quadrinhos Turma da Mônica.

Mônica no Castelo do Dragão teve grande demanda ao utilizar uma personagem nacional no Master System (Foto: Reprodução/Tec Toy Wiki)Mônica no Castelo do Dragão teve grande demanda ao utilizar uma personagem nacional no Master System (Foto: Reprodução/Tec Toy Wiki)

Mônica no Castelo do Dragão era uma versão editada do original Wonder Boy in Monster Land, um ótimo game de ação que caiu como uma luva para a personagem de Mauricio de Sousa. Apesar de muitos jogadores terem comprado o game devido a sua alta qualidade, ele ainda era extremamente popular nas locadoras.

Battletoads (NES, Mega Drive – 1991)

Battletoads para o Mega Drive trazia um pouco da melhor ação beat’em up dos fliperamas com um altíssimo nível de dificuldade e um multiplayer diferente. Enquanto era possível jogar Battletoads com um amigo e receber ajuda enquanto se divertia, o game ficava, na verdade, mais difícil de terminar com duas pessoas. Era possível atingir um ao outro, travar a tela em pulos importantes e, se um jogador perdesse todas as vidas, ambos morriam.

Battletoads era popular nas locadoras para o NES e Mega Drive mas todos sabiam de sua alta dificuldade (Foto: Reprodução/Digital Trends)Battletoads era popular nas locadoras para o NES e Mega Drive mas todos sabiam de sua alta dificuldade (Foto: Reprodução/Digital Trends)

Super Bomberman (SNES – 1993)

A fórmula de sucesso de Bomberman consagrou a série como um dos melhores jogos multiplayer de todos os tempos. Um conceito tão simples quanto deixar uma bomba e esperar que ela exploda se expandiu por vários games desde o NES até os mais populares capítulos no Super Nintendo. Algumas locadoras tinham até mesmo o acessório Super Multitap do console para permitir multiplayer entre quatro a cinco jogadores.

A fórmula do multiplayer de Super Bomberman que o tornou sucesso nas locadoras continua divertida até hoje (Foto: Reprodução/Alvanista)A fórmula do multiplayer de Super Bomberman que o tornou sucesso nas locadoras continua divertida até hoje (Foto: Reprodução/Alvanista)

International Superstar Soccer Deluxe (SNES – 1995)

A paixão nacional também se refletia no mundo dos jogos com uma grande demanda por games de futebol. Um desses títulos se destacou, o International Superstar Soccer Deluxe do Super Nintendo. Nunca um jogo de futebol havia sido tão aclamado e, apesar de parecer simples hoje, por muito tempo foi o máximo que existia do esporte.

Houve um tempo em que International Superstar Soccer Deluxe do Super Nintendo era o ápice do esporte e sucesso das locadoras (Foto: Reprodução/YouTube)Houve um tempo em que International Superstar Soccer Deluxe do Super Nintendo era o ápice do esporte e sucesso das locadoras (Foto: Reprodução/YouTube)

Chrono Trigger (SNES – 1995)

Normalmente as locações gravitavam ao redor de jogos multiplayer, porém alguns grandes RPGs do Super Nintendo fugiram dessa regra, como Final Fantasy 6 e especialmente Chrono Trigger. Além de oferecer uma história divertida com personagens carismáticos, o game tinha a seu favor um fenômeno curioso de locadoras: jogar o save de outras pessoas. Ao ficar travado no game bastava ver se outro jogador resolvia o problema.

Como um RPG um pouco fora do convencional Chrono Trigger era bem popular nas locadoras (Foto: Reprodução/OC Remix)Como um RPG um pouco fora do convencional Chrono Trigger era bem popular nas locadoras (Foto: Reprodução/OC Remix)

Mario Kart 64 (N64 – 1997)

A era do Nintendo 64 ofereceu um foco ainda maior para multiplayer com a introdução de quatro entradas para controles nativamente no aparelho, sem precisar de acessórios. Aliado ao sucesso da série de corrida do mascote, Mario Kart 64 se tornou o porta-bandeira do multiplayer no console. Essa fama incentivaria ainda o surgimento de séries como Mario Party e os games de esporte como Mario Tennis e Mario Golf.

Com apenas quatro controles e uma partida no mapa Block Fort jogadores de Mario Kart 64 garantiam seus finais de semana de locação (Foto: Reprodução/YouTube)Com apenas quatro controles e uma partida no mapa Block Fort jogadores de Mario Kart 64 garantiam seus finais de semana de locação (Foto: Reprodução/YouTube)

GoldenEye 007 (N64 – 1997)

Há algumas gerações games baseados em filmes eram malvistos por serem jogos de baixa qualidade feitos para ganhar dinheiro em cima da popularidade de um título, então foi uma grande surpresa para jogadores quando GoldenEye 007 foi lançado. O game trazia uma incrível campanha FPS como James Bond que seguia o roteiro do filme com direito a algumas liberdades.

GoldenEye 007 foi uma das grandes surpresas do Nintendo 64 com seu multiplayer emocionante e divertido (Foto: Reprodução/YouTube)GoldenEye 007 foi uma das grandes surpresas do Nintendo 64 com seu multiplayer emocionante e divertido (Foto: Reprodução/YouTube)

Mas o que realmente chamou a atenção foi seu fantástico modo multiplayer que trazia disputas de mata-mata com os personagens do filme e ainda vilões clássicos de James Bond. Com suporte para quatro jogadores e uma grande variedade de modos, como a famigerada Golden Gun ou o modo com minas de proximidade, o game se tornou uma das pérolas do console.

The Legend of Zelda: Ocarina of Time (N64 – 1998)

Provavelmente um dos games mais alugados do Nintendo 64, The Legend of Zelda: Ocarina of Time pegou até mesmo os donos do console de surpresa com sua extrema qualidade. Além de ter uma história emocionante com viagem no tempo e grandes reviravoltas, Ocarina of Time oferecia o maior e mais vivo mundo daquela época.

The Legend of Zelda: Ocarina of Time do Nintendo 64 era um jogo que todos queriam ter e matavam a vontade em locadoras (Foto: Reprodução/Zeldapedia)The Legend of Zelda: Ocarina of Time do Nintendo 64 era um jogo que todos queriam ter e matavam a vontade em locadoras (Foto: Reprodução/Zeldapedia)

Como na época os cartuchos do Nintendo 64 eram caros, muitos jogadores apelaram para conhecer esse clássico através das locadoras. No entanto, não havia dias suficientes de locação que pudessem conter tamanha aventura. Assim The Legend of Zelda: Ocarina of Time se tornava parte de todas as coleções.

Você ainda joga games retrô nos consoles? Comente no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.