Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Nesta quinta-feira (6) entra no ar o Twitter Lite, uma versão superleve do microblog que roda em navegadores para celular, dispensa o aplicativo e funciona até offline. Na contramão da concorrência, que vem incluindo mais funções e tornando os softwares para smartphone mais pesados — como o Facebook —, o Twitter libera a partir de hoje, em todo o planeta, o novo site mobile.twitter.com. Na prática, o endereço pode reduzir o consumo de dados dos celulares no microblog em até 70%, ocupando apenas 1 MB no telefone celular.

Twitter acaba com 'perfil ovo' para usuários novos do microblog

A mudança torna o Twitter “mais rápido, acessível e barato para pessoas com rede de internet lenta, plano de dados de alto custo ou smartphones com capacidade de armazenamento limitada”, segundo o microblog. Ainda de acordo com a empresa, a novidade vai permitir que milhões de pessoas do que chamaram de “mercados não maduros” possam ter acesso aos tweets da plataforma.

Twitter Lite  (Foto: Reprodução/Carolina Ochsendorf)Twitter Lite é a versão super leve do microblog  (Foto: Reprodução/Carolina Ochsendorf)

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Keith Coleman, vice-presidente de produtos no Twitter, explicou em detalhes ao TechTudo todas as mudanças na plataforma. Você decide se vale a pena ou não deletar o aplicativo do seu smartphone e passar a contar com o microblog de uma maneira mais enxuta e também mais objetiva.

TT: Para o Twitter, o Brasil é um mercado "não maduro". Qual será o benefício para os usuários?

Coleman: O Brasil está entre os cinco mercados mais importantes para o Twitter no mundo. Tanto o acesso à internet quanto o uso de smartphones ainda estão crescendo no país. Aproximadamente 70% dos brasileiros com telefones celulares usam planos pré-pagos (de acordo com dados da Teleco). O Twitter Lite permite que todos acompanhem o que está acontecendo no mundo de forma mais rápida, consumindo menos seus planos de dados — o que acreditamos que será valioso.

TT: De que forma o produto ajuda no menor consumo de dados e na capacidade limitada de armazenamento dos celulares mais baratos?

Coleman: O Twitter Lite é uma experiência web para dispositivos móveis que minimiza o uso de dados, carrega rapidamente em conexões mais lentas, é eficiente em redes móveis não confiáveis e ocupa menos de 1MB no dispositivo. A versão traz um aumento de mais de 30% na velocidade de inicialização, assim como na navegação de forma geral. Além disso, adicionamos um modo de diminuição de consumo de dados — desta forma, o usuário vai visualizar prévias de imagens e vídeos e, então, poderá escolher quais quer carregar. Com a mudança, as pessoas terão uma diminuição de aproximadamente 70% no gasto de dados.

Twitter Lite  (Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo)Versão Twitter Lite pode reduzir consumo de dados no celular em até 70% (Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo)



TT: A versão otimizada terá as mesmas funções do Twitter Web ou do aplicativo para Android/iOS?

Coleman: O Twitter Lite oferece os principais recursos do Twitter: timeline, tweets, mensagens diretas (DMs), trending topics, perfis, uploads de mídia e notificações. Basta ter um smartphone ou tablet com um navegador de internet instalado.

Além disso, o Twitter Lite tem um modo de economia de dados, o que reduz ainda mais o consumo do plano de dados. Neste modo, o consumidor tem uma pré-visualização de imagens e vídeos antes de escolher quais deseja carregar completamente (veja opções nas imagens abaixo).

Recursos adicionais no Android com Chrome

Ainda de acordo com Coleman, o Twitter Lite tem recursos adicionais no Chrome para Android. Será possível receber outros tipos de notificações para ser alertado sobre o que está acontecendo no Twitter ao longo do dia. Além disso, a plataforma passa a funcionar mesmo para quem ficou sem conexão 3G/4G e também Wi-Fi.

TT: Como vai funcionar no Chrome?

Coleman: Também oferece suporte offline, para que a experiência no Twitter não seja interrompida mesmo que a conexão de internet caia temporariamente. É possível ainda adicionar o Lite à tela inicial do dispositivo móvel para acessar o Twitter rapidamente, com apenas um toque.

twitter lite (Foto: Reprodução/Twitter)Twitter Lite ocupa apenas 1MB no dispositivo (Foto: Reprodução/Twitter)



TT: Qual a tecnologia usada na nova versão?

Coleman: Utiliza a tecnologia Progressive Web App (PWA) para oferecer uma experiência semelhante à de um aplicativo nativo, como receber notificações por push, ser acessado pelo modo offline e iniciado diretamente na tela inicial.

TT: Google Allo e Duo (mensageiros) estão investindo na mesma linha. A qualidade da Internet é algo que "atravanca" os produtos tech no Brasil?

Coleman: Não comentamos iniciativas de concorrentes, mas o desenvolvimento da Internet pode ser um desafio para os consumidores. O Twitter entendeu isso e desenvolveu uma nova maneira de tornar a experiência na plataforma mais fácil, rápida e barata. E o desafio não é apenas no Brasil. De acordo com a GSMA, cerca de 40% das conexões móveis no mundo todo em 2017 ainda são 2G, enquanto os smartphones eram responsáveis por 47% de todas as conexões móveis em mercados emergentes no final de 2016.

Quem quiser excluir de vez mais um aplicativo do celular pode visitar e usar o site mobile.twitter.com. Mais informações sobre o Twitter Lite estão em uma página dedicada lite.twitter.com, no microblog. 

Qual a sua rede social favorita? Comente no Fórum do TechTudo.


Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.