Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

O Samsung Galaxy S8 e o Moto Z, da Motorola/Lenovo, são celulares que concorrem no segmento de smartphones top de linha. Mais recente deles, o S8 foi anunciado em março, com grande ênfase na tela "infinita" com proporção de 18,5:9. Seu preço será revelado na próxima amanhã (17) em um evento em São Paulo.

O Moto Z é mais antigo, com lançamento em 2016, e deve ser substituído em breve pelo Moto Z2. No entanto, o telefone ainda segue como o carro-chefe da Motorola. O celular custa a partir de R$ 2.199 e tem como destaque a integração com os acessórios da linha Moto Snaps.

Para ajudar você a decidir qual o melhor smartphone para seu dia a dia, comparamos as especificações – specs, no jargão do mercado – dos aparelhos. O resultado você encontra na análise a seguir.

Galaxy S8 e S8 Plus: testamos os celulares da Samsung com 'tela infinita'

Galaxy S8 e Moto Z: veja o comparativo de ficha técnica (Foto: Arte/TechTudo)Galaxy S8 e Moto Z: veja o comparativo de ficha técnica (Foto: Arte/TechTudo)

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Tela: mais de 5 polegadas

Com o Galaxy S8, a Samsung aderiu de vez à tela curva, já presente na versão Edge do seu antecessor, o Galaxy S7. O tamanho é de 5,8 polegadas com o display denominado “infinito”, pois ocupa a maior parte da frente do aparelho, sem bordas ou botões, proporcionado melhor visualização principalmente de vídeos e jogos. Sua resolução é Quad HD+ (2960 x 1440 pixels), o que resulta em uma densidade de pixels de 570 ppi.

O Moto Z também traz um display grande: são 5,5'' com resolução Quad HD (2560 x 1440 pixels) e densidade de 535 ppi. No entanto, nada de tela curva para o modelo da Motorola. Além disso, o painel divide o espaço frontal do telefone com um botão que funciona como leitor de digitais.

No geral, ambos os celulares tendem a apresentar um ótimo desempenho nessa categoria. A tecnologia utilizada pelas fabricantes é a Super AMOLED, responsável por cores mais intensas e um preto mais profundo. Com promessa de maior proteção contra arranhões, Samsung e Motorola adotaram o revestimento em vidro Gorilla Glass 5.

Câmera: muitos megapixels

Teoricamente, as câmeras principais dos dois smartphones são bem parecidas. O Moto Z faz fotos em 13 MP e tem abertura de lente f/1.8, que permite a entrada de uma grande quantidade de luz – o que deve proporcionar boas fotos mesmo em ambientes mais escuros. Já o Galaxy S8 tem sensor traseiro de 12 MP e lente com abertura f/1.7, que capta mais luz do que as do Moto Z. Ambos os celulares gravam vídeos em 4K a 30 quadros por segundo (fps).

Para selfies, o Moto Z traz uma câmera mais básica, de 5 megapixels com abertura f/2.2. Já o S8 conta com sensor frontal de 8 MP e abertura de lente f/1.7. Os dois gravam vídeos em Full HD (1080p) a 30 fps.

Armazenamento: falando dos gigabytes

O armazenamento dos dois celulares é de 64 GB. Para usuários comuns, essa quantidade deve ser mais do que o suficiente para guardar fotos, vídeos e outros arquivos. No entanto, o Moto Z sai na frente na possibilidade de expansão. O smartphone da Motorola suporta cartão microSD de até 2 TB, enquanto o da Samsung aceita cartões de até 256 GB.

Galaxy S8: qual vai ser o preço do celular no Brasil? Opine no Fórum do TechTudo.

O Moto Z possui capacidade de expansão de até 2 TB (Foto: Reprodução/TechTudo)O Moto Z possui capacidade de expansão de até 2 TB (Foto: Reprodução/TechTudo)

Processador e memória RAM: aposta no quad-core

O modelo do Galaxy S8 que será comercializado no Brasil terá 4 GB de memória RAM, mesma quantidade encontrada no Moto Z. O celular da Samsung tem processador Exynos 8895 octa-core. Já o Moto Z traz o Qualcomm Snapdragon 820 quad-core.

A ficha técnica dos telefones indica um bom desempenho, que não deve apresentar travamentos mesmo ao abrir aplicativos simultaneamente. Vale lembrar a Motorola deve apresentar uma nova geração do Moto Z neste, com direito a um suposto processador mais poderoso.

Sistema: Android 7 marca presença

O Galaxy S8 roda o sistema Android 7.0 Nougat, e o Moto Z, embora tenha saído de fábrica com a versão anterior, já suporta atualizações para a versão mais recente. A diferença fica por conta das modificações feitas pela Samsung, com a TouchWiz. O Moto Z roda um Android praticamente puro.

Bateria: carregamento sem fio em ambos

O Moto Z conta com uma bateria de 2.600 mAh, contra 3.000 mAh do Galaxy S8. Apesar de ter maior capacidade de carga, o modelo da Samsung tem uma tela maior, que deve acabar consumindo mais bateria do que o concorrente.

O smartphone da Motorola conta ainda com o carregador tipo turbo, que promete sete horas de uso após 15 minutos na tomada. Já a aposta da Samsung fica para o carregamento rápido e sem fio.

Diferenciais

O destaque do Moto Z fica por conta dos Moto Snaps – módulos que adicionam funções extras ao celular. A tecnologia funciona por imã, as “capinhas” são fixadas pelos pinos dourados presentes na parte inferior do smartphone. Ao ser encaixado, o módulo é automaticamente reconhecido pelo aparelho, a configuração só se faz necessária na primeira vez de uso.

Dentre os módulos disponíveis, existe o Incipio offGRID Power Pack, que acrescenta 2.220 mAh de bateria; o módulo de som JBS, que transforma o celular em uma potente caixa de som; o Insta-Share Projector, que transforma o Moto Z em um projetor de até 70 polegadas; e o Hasselblad True Zoom, que promete deixar a câmera do celular com qualidade profissional. Todos os módulos aumentam a bateria do aparelho, para que o aparelho aguente o recurso adicionado.

Módulo de som da JBL pode ser adquirido por R$ 698,99 (Foto: Aline Batista/TechTudo)Módulo de som da JBL pode ser adquirido por R$ 698,99 (Foto: Aline Batista/TechTudo)

O Galaxy S8 contará com a assistente virtual Bixby, porém sem comandos de voz – deixando na mão quem esperava uma nova rival da Siri, do Google Assistente e da Cortana. O aparelho ainda conta com o Samsung DeX, que transforma o celular em uma estação de trabalho, e com o Samsung Pay, a carteira virtual da empresa.

O S8 tem certificação IP68, que permite submergir o celular na água em até 1,5 m por 30 minutos e, apesar de contar com sensor de digitais, assim como o Moto Z, a novidade em segurança fica por conta do scanner de íris.

O scanner de iris promete mais segurança ao S8 (Foto: Reprodução/TechTudo)O scanner de íris promete mais segurança ao Galaxy S8 (Foto: Reprodução/Samsung)

Trocando em miúdos: preço e custo-benefício

O preço do Galaxy S8 para o Brasil será conhecido nesta semana, mas nos Estados Unidos ele já tem preço e está em pré-venda. Seu valor anunciado é de US$ 720 (cerca de R$ 2.245 em conversão direta e sem impostos).

Considerando a alta carga tributária brasileira, o S8 deve chegar ao mercado nacional custando mais de R$ 3 mil. O preço, apesar de salgado, segue a linha dos valores cobrados pelos últimos top de linha anunciados pela fabricante sul-coreana.

O Moto Z, quando começou a ser vendido no Brasil chegou custando R$ 3.199, mas pode ser encontrado por R$ 2.199 atualmente.

Caso não tenha se convencido pelos celulares da Motorola e Samsung, dê uma olhada em outros smartphones concorrentes, como o Zenfone 3 Zoom, da Asus, e o LG G6.


Galaxy S8  Moto Z
Sistema Operacional  Android 7.0 Nougat Android 6.0 Marshmallow, com atualização para o Android 7.0 Nougat
Processador Exynos 8895 octa-core Qualcomm Snapdragon 820 quad-core
Memória RAM 4 GB 4 GB
Armazenamento  64 GB 64 GB 
Cartão de memória microSD Sim Sim
Tela 5,8 polegadas 5,5 polegadas
Resolução da tela Quad HD+ (2960 × 1440 pixels)  Quad HD (2560 x 1440 pixels
Câmera 12 MP traseira e 8 MP frontal 13 MP traseira e 5 MP frontal
Bateria 3.000 mAh 2.600 mAh
Dimensões e peso 148,9 x 68,1 x 8 mm, 155 gramas
153,3 x 75,3 x 5,2 mm e 136 gramas
Preço atual US$ 720 (cerca de R$ 2.245, sem impostos) R$ 2.199



Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.