A Apple apresentou durante a WWDC 2017 o HomePod, uma caixa de som inteligente que promete acirrar a disputa com o Amazon Echo e o Google Home. O dispositivo conta com a Siri, a assistente pessoal do iOS, e permite controlar músicas e uma série de opções, desde ativar o despertador a controlar aparelhos domésticos, além de acender e apagar as luzes da casa.
Apple anuncia novo iMac Pro, o mais poderoso criado pela empresa O HomePod começa a ser vendido em dezembro nos Estados Unidos, Austrália e Reino Unido por US$ 349, em torno de R$ 1.150 na cotação atual e sem os impostos. Ainda não há informações sobre o início das vendas no Brasil.
HomePod precisa estar conectado em uma tomada para funcionar (Foto: Divulgação/Apple) (Foto: Divulgação/Apple) Ao contrário dos seus principais concorrentes, a Apple tenta vender o HomePod como uma caixa de som smart voltada principalmente para música. O dispositivo é linkado ao Apple Music - ainda não ficou claro se outros apps de streaming serão compatíveis - e consegue sugerir playlists de acordo com o gosto do usuário. O ponto forte está na qualidade do som. São sete tweeters além de um woofer com a promessa de oferecer um áudio em 360 graus limpo e consistente, sem deixar de lado os graves e baixos. Além disso, de acordo com a empresa, o HomePod se adapta ao local onde ele é colocado. A caixa smart analisa a acústica do ambiente e consegue modifica...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.