O Moto Z2 Play é um celular inetermediário da Motorola que oferece ao usuário recursos de um smartphone top de linha com a adição dos Moto Snaps. Lançado no Brasil em junho pelo preço sugerido de R$ 1.999, o telefone pode custar mais de R$ 3 mil quando acompanhado dos acessórios modulares.
O celular já vem de fábrica com Android 7, o mais recente liberado pelo Google, e tem sensor de impressões digitais que aceita gestos. No entanto, a bateria decepciona, se comparada ao componente do antecessor, Moto Z Play, de 2016. Está em dúvida se a compra vale a pena? Veja a seguir três pontos positivos e três negativos do smartphone.
Moto Z2 Play: primeiras impressões Moto Z2 Play: em primeiras impressões, smartphone não mostra a que veio
PONTOS POSITIVOS
1. Tela grande Full HD O Moto Z2 Play tem tela de 5,5 polegadas, do mesmo tamanho que o iPhone 7 Plus, com resolução Full HD (1080p). O tamanho e a definição são suficientes para assistir a filmes e séries, assim como jogar games e navegar na Internet com conforto. Modelos menores costumam oferecer experiência pior nessas atividades. A resolução do painel não chega a ser 2K como no Galaxy S8, mas é condizente com sua faixa de preço. A tecnologia empregada é a mesma Super AMOLED usada pela Samsung em seus smartphones mais poderosos.
Tela do Moto Z2 Play com resolução Full HD é um ponto positivo (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) Aplicativo do TechTudo: dicas e notícias de tecnologia no seu celular
2. Armazenamento Um dos grandes saltos de qualidade do Moto Z Play...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.