Os processadores Intel Core i9 já são uma realidade. Lançada na Computex 2017, a nova linha é feita para rodar programas pesados simultaneamente. O modelo "básico", o Intel Core i9-7900X, de 10 núcleos, já começou a ser vendido e custa US$ 999 (cerca de R$ 3.310 na cotação atual, sem impostos). O top Core i9-7980XE sairá por US$ 1.999 (R$ 6.620) e começará a ser vendido em outubro. Com seus 18 núcleos e 36 threads, o chip é o mais avançado da atualidade destinado ao consumidor final.
Veja cinco processadores Intel e AMD com baixo custo e boa performance Pelos preços é fácil entender que os novos processadores não são para o público comum; eles foram projetados para entusiastas e profissionais que precisam de altíssima performace, como criadores de vídeo e gamers profissionais. Abaixo, listamos seis áreas que poderão se beneficiar com os adventos da nova tecnologia, que promete turbinar o desempenho de desktops.
Intel Core i9 X-series terá chips de até 18 núcleos e 36 threads (Foto: Divulgação/Intel)
1. Games Os processadores i9 são projetados para todos os gamers, especialmente os profissionais. Agora é possível fazer overclock em cada núcleo individualmente, aumentando ainda mais a velocidade de processamento da máquina. Com isso, a Intel garante que os praticantes de e-sports vão conseguir jogar títulos em 4K, fazer streaming ao vivo para os fãs e gravar todo o jogo ao mesmo tempo, sem qualquer travamento.
Gamers profissionais poderão fazer streaming sem comprometer desempenho no jogo (Foto: Divulgaçã...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.