Fotos podem revelar informações complementares na forma dos arquivos chamados metadados: detalhes técnicos e de catalogação referentes a uma imagem, que permitem saber quando e onde a foto foi tirada, a partir de qual equipamento e etc. Embora sejam muito úteis para profissionais, e até para quem gosta de manter álbuns organizados, esses dados podem ser usados para expor a privacidade do usuário — além de dar a possíveis invasores algumas informações sensíveis de localização e instrumentos para que os seus hábitos sejam mapeados. Entenda o que é metadata e saiba como se proteger com fotos na Internet e redes sociais.
Segurança na nuvem: dicas para proteger seus arquivos online
Metadados são informações técnicas e de catálogo anexadas a arquivos de imagem (Foto: Caio Bersot/TechTudo) Aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no celular
Metadata: o que é? Metadata, ou metadados, quando relacionados a imagens, são informações referentes à criação da foto, mais ou menos como as antigas anotações na parte de trás de fotografias de família. Essas ''etiquetas digitais'', também conhecidas como EXIF (Exchangeable image file format , ou Formato de Imagem Alterável em português), concentram informações como data e horário na qual a fotografia foi capturada, marca da câmera e até mesmo localização exata, via coordenadas de GPS, quando esse tipo de tecnologia está disponível no dispositivo usado. Outros dados são informações técnicas sobre a máquina, como distância focal, tipo de senso...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.