Preocupações com segurança e privacidade, e até mesmo custos, podem levar o consumidor a considerar a ideia de ter um servidor em casa ou na empresa. O investimento, que pode fazer sentido em alguns casos, também pode acabar se mostrando ineficiente e oneroso demais em outros.
Nas nuvens: listamos quatro servidores domésticos à venda no Brasil A seguir, você vai entender melhor quais são as vantagens de se comprar um servidor para a sua casa ou empresa e descobrir se investir numa máquina dessas faz algum sentido para você.
Função de uma unidade NAS é funcionar como armazenamento conectado à rede (Foto: Divulgação/Western Digital)
Diferença entre NAS e servidor NAS pode ser entendido como um HD externo conectado à rede (ou vários HDs) e sua função é oferecer acesso facilitado a arquivos que podem ser distribuídos numa rede. De forma geral, trata-se de um dispositivo que permite que você crie sua própria nuvem. Um servidor oferece todas essas funções, mas vai além: como trata-se de uma máquina completa, esse dispositivo tem capacidade de processamento maior e pode ser usado para a criação de redes mais complexas, oferecendo suporte a recursos avançados de compartilhamento de arquivos e até hospedagem de sites completos.
Em casa O uso de um servidor em casa para guardar seus arquivos e centralizar a oferta de mídia, por exemplo, pode fazer sentido se você tiver uma quantidade grande de dados, que simplesmente não cabe num único computador ou então que precisam ser acessados por muita gente. Em todo caso, ainda nesse cenário, investir em um NAS pode ser mais interessante dados os custos. A ideia de ter seu próprio servidor pode fazer mais sentido: uma unidade pode armazenar terabytes e terabytes de arquivos de mídia, fotos e etc, concentrando a oferta desses dados num único lugar: dessa forma, usuários autorizados por você têm acesso ao material por meio dos modelos de acesso fornecidos pela fabricante do servidor. Outra vantagem associada ao uso de servidores pode ser a preservação de cópias redundantes dos seus arquivos, aumentando a segurança se tudo der errado: com um servidor configurado corretamente, você pode realizar backups de dados sensíveis, garantindo assim, a preservação de cópias de segurança dos arquivos que você não pode perder.
Na empresa No geral, empresas podem se beneficiar bastante do uso de um servidor próprio de arquivos. No entanto, algumas questões de escala precisam ser encaradas: se o volume de arquivos for simplesmente muito grande, s...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.