Novidades não param de chegar ao mercado, onde o segmento dos notebooks é um dos mais movimentados. Os modelos 2 em 1 são que há de mais inovador, seja em termos de tecnologia, seja em aspectos como versatilidade, mobilidade e desempenho (leia aqui/link para a matéria anterior). Não só porque reúnem o melhor de um notebook e um tablet numa mesma máquina, sejam eles destacáveis ou conversíveis, mas porque vão além, oferecendo muito mais que isso e representando um ótimo custo-benefício. Diante desse cenário, qual modelo escolher, afinal? Essa é uma pergunta que embute algumas outras e a resposta vai depender de fatores de ordem pessoal ou profissional, de forma que cada um terá uma solução própria para o seu “enigma” particular. Basicamente, a questão que deve ser colocada é: “De que forma vou usar esse equipamento?”. Isso servirá como ponto de partida na sua pesquisa. Para ajudar você a decidir pela melhor escolha, elaboramos um passo a passo com os principais pontos a serem considerados:
Notebook 2 em 1 tem versões destacáveis e conversíveis (Foto: Divulgação) Processador: o coração da máquina O poder de um notebook está diretamente associado à sua capacidade e velocidade de processar dados como, também, tarefas inerentes ao sistema. Não depende só do qualidade da internet, mas do processador, carregar uma página no navegador. Da mesma forma, o tempo que demora para executar um programa está ligado a ao chip da máquina, entre outros fatores. Processadores Intel® são os mais indicados para consumidores que buscam versatilidade, adequando-se às suas necessidades de uso. Com os mais recentes processadores Intel®, você terá a performance necessária para realizar todas as suas atividades. Não se trata apenas de uma questão de marca, mas de tecnologia e qualidade.
Notebook 2 em 1 precisa de um processador de qualidade (Foto: Divulgação) De tempos em tempos, são lançados novos tipos de processador, capazes de oferecer mais performance. Assim, um Intel® Core™ i7 vai ser mais rápido que um i3. Mas é preciso considerar também as gerações existentes em cada tipo de processador, que podem influenciar em aspectos como duração de bateria. Daí que uma geração mais recente de Intel® Core™ i5, por exemplo, pode se adequar perfeitamente a quem busca uma máquina com bom desempenho e duração de bateria, em um ponto intermediário entre o uso doméstico e o profissional. E para quem vai realizar tarefas mais simples, como escrever textos e usar o notebook de forma corri...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.