O iPhone X finalmente ganhou uma data de lançamento no Brasil: o smartphone premium da Apple chega ao país no dia 8 de dezembro, uma sexta-feira. As encomendas serão iniciadas uma semana antes, em 1º de dezembro. Em relação aos preços, a fabricante manteve os valores que já haviam sido divulgados anteriormente: R$ 6.999 para o modelo com armazenamento de 64 GB e R$ 7.799 para a versão de 256 GB.
iPhone 8, 8 Plus e X: preço e especificações dos lançamentos da Apple Tudo sobre o iPhone X: preço, especificações e data de lançamento O iPhone X foi lançado em comemoração ao aniversário de dez anos do smartphone. O modelo possui bordas menores e tela de 5,8 polegadas, com resolução de 2436 x 1125 pixels. Em relação ao material, ele é construído em alumínio e vidro, uma necessidade para oferecer a recarga sem fio. O smartphone é compatível com carregadores wireless que seguem o padrão Qi. A própria Apple chegou a anunciar um acessório do tipo, chamado de AirPower, mas por enquanto ele não está à venda em nenhuma parte do planeta. O telefone mantém a câmera dupla de 12 megapixels do iPhone 7 Plus, mas trouxe novos recursos, como o Portrait Lighting, que permite alterar a iluminação de fotos tiradas com efeito de profundidade. A câmera tem uma lente grande angular, com abertura f/1.8, e uma teleobjetiva, com abertura f/2.4. Na parte frontal, o celular possui sensor de 7 megapixels e também permite fazer selfies no modo retrato, uma exclusividade do modelo X.
iPhone X tem tela de 5,8 polegadas (Foto: Thássius Veloso/TechTudo) A ficha técnica do iPhone X conta ainda com processador Apple A11 Bionic, que promete ser até 70% mais rápido do que o chip presente no iPhone 7. Inclusive, em testes recentes, o iPhone 8 Plus, que possui o mesmo processador, foi considerado o smartphone mais rápido do mundo. Embora a fabricante não revele detalhes sobre a quantidade de memória RAM, estima-se que o telefone tenha 3 GB. Em relação ao armazenamento, ele está disponível em versões de 64 GB e 256 GB. Um dos grandes destaques do iPhone X é o Face ID, tecnologia de reconhecimento facial que desbloqueia a tela do smartphone ao identificar o rosto do usuário. O sistema substitui o antigo Touch ID, leitor de impressões digitais, e promete maior segurança. Apesar disso, o recurso, que vem sendo alvo de testes na Internet, pode se confundir com gêmeos idênticos. Em outro caso, embora não funcione com crianças, um filho conseguiu desbloquear o aparelho de sua mãe.
Parte traseira do iP...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.