Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

A polêmica da loot box ganhou mais um capítulo favorável aos consumidores. A Apple estabeleceu uma regra de que todos os aplicativos e games que tiverem loot boxes - ou seja, baús (supply drops, packs, chicletes, etc) que dão objetos - terão que revelar as probabilidades de se ganhar cada item. A mudança já está no guideline imposto aos desenvolvedores para colocar um aplicativo/jogo na App Store.

Em junho, a China já havia criado uma lei que obriga títulos como League of Legends, Dota 2 e outros a revelarem a porcentagem de suas caixas de prêmios. Agora, a regulamentação da empresa da maçã é mais outro passo dado para sabermos se vale a pena ou não investir uma quantia nos games. A maioria dos itens dos baús pode ser comprada com alguma moeda do próprio jogo, porém a forma mais “eficiente” de abri-los é através de microtransações com dinheiro real.

Polêmica das loot boxes ganhou mais um capítulo com nova regra da Apple  (Foto: Divulgação/Blizzard)Polêmica das loot boxes ganhou mais um capítulo com nova regra da Apple  (Foto: Divulgação/Blizzard)

Polêmica das loot boxes ganhou mais um capítulo com nova regra da Apple (Foto: Divulgação/Blizzard)

Títulos de grandes orçamentos, como Middle-Earth: Shadow of War, CoD WWII e, principalmente, Star Wars Battlefront 2, apostaram pesado nessas caixas, de forma que o jogador só conseguiria a experiência completa se jogasse horas ou desembolsasse uma quantia em dinheiro real. Dessa forma, a polêmica se isso poderia ser considerado “jogo de azar” aumentou ainda mais. O barulho foi tanto que as microtransações de Battlefront 2 foram retiradas pela EA.

Em contrapartida, um exemplo de game que recebe elogios pela forma com que insere as loot boxes é Overwatch. Diferentemente de Shadow of War, os itens dos supply drops de Overwatch são apenas cosméticos/visuais, ou seja, eles não deixam o jogador com nenhuma vantagem em relação a um oponente que nunca abriu um baú. Não é pay to win.

A lei na China e agora essa atitude da Apple foram dois grandes passos na direção de sabermos o que podemos receber em troca do dinheiro investido. Seja numa caixa que venha uma simples skin ou num drop que venha uma arma poderosa, o justo é se esclarecer a porcentagem de chance do que podemos receber. Afinal quem não gostaria de saber qual a probabilidade de tirar uma carta icon naqueles packs do Ultimate Team no FIFA?

Você já comprou DLCs na PSN? Conte sua experiência no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.