O Raptor é um PC gamer da Rocketz que vem equipado com processador de sétima geração da Intel e a GTX 1050 da Nvidia. Suas especificações são interessantes para quem precisa de uma máquina com boa performance e preço mais acessível. A ficha técnica do computador, porém, não revela grandes surpresas.
O modelo é indicado para gamers menos exigentes, pois deixa de lado características avançadas, como 2K, 4K e realidade virtual, além de não ser possível rodar games muito pesados em configurações gráficas máximas. Abaixo, você conhece cada componente e pode ter uma ideia da relação custo-benefício do Raptor. Como montar um PC gamer barato; veja dicas
Combinação de i3 dual-core e GTX 1050 tornam o Raptor um computador para gamers menos exigentes (Foto: Divulgação/Rocketz)
Ficha técnica
Preço: R$ 3.280
Processador: Core i3 7100, dual-core a 3.9 GHz
Memória RAM: 8 GB DDR4
Placa de vídeo: Geforce GTX 1050 com 2 GB de RAM GDDR5
Armazenamento: disco rígido de 1 TB
Portas e interfaces: HDMI, USB 3.0 (uma), USB 2.0 (duas), Ethernet
Dimensões: 50 x 21 x 47 cm
Desempenho
GTX 1050 tem performance suficiente para jogar em Full HD (Foto: Divulgação/Gigabyte) O Raptor é um computador de entrada, sobretudo em virtude do Core i3 7100 da sétima geração um processador dual-core, e da Geforce GTX 1050 (não a Ti). Além disso, o PC usa 8 GB de memória DDR4. Essas configurações tornam o Raptor ideal para jogos menos exigentes, como MOBAs e MMOs. De forma resumida, é possível jogar títulos mais ambiciosos do ponto de vista técnico em configurações gráficas menos fieis e em resoluções mais baixas. A combinação de processador de dois núcleos, placa de vídeo de entrada e apenas 8 GB de RAM definem as limitações do Raptor.
Armazenamento O Raptor usa um disco rígido convencional de 1 TB de espaço. Sem SSD instalado, o computador terá tempos de resposta, de leitura e gravação de dados menores. Isso deve se manifestar de forma perceptível em games, já que os tempos de carregamento de mapas, cenários e missões devem ser mais prolongados em virtude dos limites da tecnologia.
Sistema operacional
Preço da licença do Windows 10 precisa ser considerado pelo consumidor (Foto: Zíngara Lofrano/TechTudo) A Rocketz comercializa o Raptor com o Windows 10 pré-instalado com uma licença de testes, válida por 30 dias. Isso significa que, ao fim do prazo, o consumidor terá de adquirir a licença final de usuário do Windows 10 junto à Microsoft,...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.