Em 2017, uma série de tecnologias desapareceram por diferentes motivos, como, por exemplo, o desinteresse do público que acabou adotando outras alternativas. Esse é o caso dos iPod Nano e Shuffle, que faziam pouco sentido no mundo dos smartphones e dos serviços de streaming, como Spotify. Outro fator que colaborou para que alguns aparelhos se aposentassem foi o esgotamento dos projetos, que não tiveram muita aceitação, como o Microsoft Kinect e a TV 3D.
Os dispositivos ficaram longe de conquistar o sucesso imaginado pelos seus criadores, que seria adequado ao volume de investimentos que receberam. A seguir, relembre tecnologias e produtos que caíram no esquecimento em 2017. Smart TV da Sony e JBL Flip 4 roubaram a cena em Eletrônicos em 2017
Kinect não empolgou, mesmo depois de anos de investimento (Foto: Divulgação/Microsoft)
Microsoft Kinect Lançado em 2010, o Kinect prometia revolucionar os games do Xbox 360. Aproveitando a popularidade da experiência da rival Nintendo com o Wii, a Microsoft apostou pesado no sensor de movimentos, tornando-o, inclusive, componente padrão das primeiras levas do Xbox One. Entretanto, os jogos para a plataforma não pegaram e os gamers mais ávidos ignoraram o acessório. O desinteresse pelo Kinect, associado à competição dura com o PlayStation 4 da Sony, motivaram a fabricante a comercializar versões do Xbox One sem o acessório, e, portanto, mais baratas. O episódio final veio em outubro do ano passado, quando a Microsoft anunciou que não continuaria o investimento e a fabricação do dispositivo.
Televisão 3D
Fabricantes não apresentaram nenhum modelo de televisor 3D (Foto: Divulgação/Sony) Contemporânea ao Kinect, a tecnologia 3D para televisores teve um ano amargo em 2017: nenhuma grande fabricante se preocupou em lançar novos televisores com a tecnologia. Atualmente, os usuários se interessam mais pelos recursos de 4K e HDR. Além disso, as experiências mais imersivas de vídeo e interatividade agora são esperadas em óculos de realidade virtual. Por conta disso, a TV 3D acabou sendo desinteressante para o grande público.
iPod Nano e Shuffle
iPod Shuffle, e o modelo Nano, também foram descontinuados (Foto: Divulgação/Apple) Os iPods pequenos também foram descontinuados em 2017. Os acessórios se tornaram obsoletos devido à capacidade de reprodução de áudio dos smartphones e pela ausência de Wi-Fi. Por isso, as versões Nano e Shuffle foram descontinuadas em julho pela Apple. O único modelo que ainda sobrevive é o iPod Touch, que ...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.