Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Kingdom Come: Deliverance é um jogo de RPG e aventura lançado no PS4, Xbox One e PC que mistura elementos da idade média com simulação em primeira pessoa. Ele é um título focado em seu enredo e desenvolvimento dos personagens, mas há espaço para fatos históricos, paisagens realistas e combates que lembram lutas bem reais. O time do Warhorse Studios, responsável pelo desenvolvimento e conversou com o TechTudo sobre o projeto, que partiu de um estúdio novo, mas formado por nomes veteranos – com nomes que trabalharam na Codemasters e 2K Games. Confira:

Origens no Facebook

Kingdom Come: Deliverance deve agradar quase todo tipo de jogador. Mesmo lançado em uma época em que jogos em primeira pessoa se garantem mais em seus modos multiplayer online, o game tem apenas uma campanha para um jogador. Entretanto, os produtores não estão muito preocupados com essa “disputa de mercado” entre online e offline.

Kingdom Come Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)Kingdom Come Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

Kingdom Come Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

“Kingdom Come: Deliverance foi planejado para ser uma experiência em primeira pessoa desde o primeiro dia. Mesmo antes de todo esse debate sobre as dificuldades de games para um jogador”, comentou o estúdio. Ele revelou ainda que o título seria para redes sociais, como Facebook, mas a ideia mudou. “Na verdade, quando pensamos no jogo, não queríamos fazer algo grande, mas sim focar no Facebook ou títulos mobile, pois eles eram moda em 2011 e 2012”, complementou.

Veteranos e novatos, unidos

Como citamos, o Warhorse Studios é formado por gente que já trabalhou em outras grandes empresas da indústria. Mas Kingdom Come: Deliverance também teve a participação de calouros, que trouxeram seu conhecimento para o projeto. “O estúdio conta com 120 desenvolvedores, sendo que entre 30 e 40 destes trabalharam com videogames antes. A maioria é novato, alguns que estão em seu primeiro emprego após a faculdade”, disse o time do Warhorse.

Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

Para os produtores do projeto, ter gente nova trabalhando é algo positivo, pois “enquanto os veteranos compartilham sua experiência, os mais jovens trazem uma grande motivação e animação para o desenvolvimento”. De acordo com os produtores, essa mistura é ideal, pois traz um equilíbrio bom.

Game em primeira pessoa para quem curte RPG

Em Kingdom Come: Deliverance, o jogador acompanha toda a aventura em primeira pessoa, o que não quer dizer que o título se assemelhe a games de tiro. O objetivo aqui é passar a imersão da idade média, com elementos interativos. “Queríamos que o jogo fosse em primeira pessoa para maximizar a imersão. Foi uma decisão filosófica que nos deixou muito feliz”, comentaram os responsáveis.

Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

“As pessoas que gostam de cenários medievais devem gostar do game. Ele não fácil e nem focado totalmente em ação, leva algum tempo. É uma experiência real de RPG”, adicionou o estúdio, comentando ainda sobre que tipo de público deve ser atraído para o lançamento. “Creio que todo o conceito de Kingdom Come: Deliverance é único. Não há RPG atual que te coloque tão perto da essência da idade média. É baseado em uma história real: o mapa, a arquitetura, é tudo reconstruído de cenários reais”, complementou.

O futuro do Cavalo de Guerra

Apesar de ser formado por veteranos, o Warhorse Studios acabou de lançar seu primeiro - e promissor - jogo. Para quem ainda não sabe, ele foi financiado em uma campanha online, em que fãs investiram seu dinheiro no estúdio, por meio do site Kickstarter. Apesar de ter obtido sucesso na campanha, os produtores ainda não sabem se vão repetir a dose no futuro. “Estamos focando apenas em Kingdom Come: Deliverance. Teremos de ver o que o futuro nos reserva”.

Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

Kingdom Come: Deliverance (Foto: Divulgação/Warhorse Studios)

Kingdom Come: Deliverance está disponível oficialmente no Brasil em plataformas online, como Steam e lojas digitais do PS4 e Xbox One, mas ainda não está localizado. “Infelizmente, não no lançamento”, como comenta o estúdio. A declaração pode indicar que, no futuro, uma tradução oficial seja lançada para o game, mas nada foi revelado a respeito destes planos.

Quais os melhores MMORPGs para navegador? Opine no Fórum TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.