A FaZe Clan assumiu, recentemente, a primeira colocação no ranking da HLTV como o melhor time de CS:GO do mundo. O posto pertencia até pouco tempo atrás aos brasileiros da SK Gaming, mas uma série de resultados ruins nos três primeiros meses do ano empurraram a equipe para a quinta posição do ranking, pior colocação desde março de 2016. Enquanto isso, os europeus da FaZe mantiveram uma regularidade ímpar e se firmaram como a equipe a ser batida no cenário internacional.

Entendendo o ranking da HLTV

Europeus da FaZe lideram o ranking mundial de CS:GO (Foto: Reprodução/FaZe Clan)

Europeus da FaZe lideram o ranking mundial de CS:GO (Foto: Reprodução/FaZe Clan)

Primeiramente, para saber os motivos de uma equipe ocupar o topo do ranking da HLTV, é necessário compreender como ele funciona.

Neste ranking, leva-se em consideração não apenas o atual momento das equipes, mas sim todos os últimos dez campeonatos disputados por elas. Logicamente, os torneios maiores, em geral os presenciais, como os Majors, valem mais pontos do que torneios menores, como aqueles disputados totalmente online.

Além disso, quanto mais antigas as conquistas, menor a porcentagem de relevância delas no ranking e, consequentemente, menor o número de pontos atribuídos.

SK x FaZe: inícios de ano opostos

Se a SK terminou o último ano como a grande equipe do cenário internacional, liderando o ranking mundial e cheia de confiança, não se pode dizer o mesm

... o no início de 2018. Até o momento foram cinco torneios disputados pelos brasileiros, com o melhor resultado sendo uma eliminação em semifinal no último Major da ELeague, em Atlanta. O grande destaque negativo ficou por conta da eliminação ainda na primeira fase do WESG 2017 World Finals, disputado em março.

Por outro lado, a FaZe, que nada tem a ver com a fase ruim dos brasileiros, manteve a regularidade para assumir o topo do ranking. Apesar de ainda não terem conquistado nenhum título em 2018, os europeus já chegaram em duas finais, uma delas a do Major de Atlanta, quando acabaram derrotados pela Cloud9. O outro vice-campeonato da FaZe veio no IEM Katowice 2018, em março, quando perderam o título para a fnatic.

Regularidade é a chave do sucesso da FaZe

Há bastante tempo a equipe europeia é presença constante nas fases finais dos grandes torneios (Foto: Reprodução/FaZe Clan)

Há bastante tempo a equipe europeia é presença constante nas fases finais dos grandes torneios (Foto: Reprodução/FaZe Clan)

Se engana quem pensa que a boa fase da equipe formada por Håvard "rain" Nygaard, Finn "karrigan" Andersen, Nikola "NiKo" Kovač, Ladislav "GuardiaN" Kovács e Olof "olofmeister" Kajbjer começou no ano de 2018. Já faz tempo que os europeus vêm mantendo uma regularidade invejável.

Se contarmos os últimos seis meses, a equipe da FaZe disputou seis finais, levando para casa dois títulos (CS:GO Premier 2017 e ECS Season 4 Finals). Nos últimos dez torneios disputados, a equipe ficou apenas uma vez abaixo da quarta colocação, quando foi eliminada ainda na fase de grupo do EPICENTER 2017, conquistado justamente pela SK.

Outros resultados de destaque da FaZe foram os vice-campeonatos do IEM Oakland 2017 e da ESL Pro League Season 6 Finals, ambos no final de 2017.

Panorama atual

Na última atualização do ranking da HLTV, realizada no dia 19 de março, a FaZe aparece no topo com 903 pontos, seguida pela Cloud9, que tem 749, e pela fnatic, em terceiro, com 666. Na quinta colocação, a SK Gaming soma 634 pontos.

Ainda pesam bastante a favor da FaZe resultados como os vice-campeonatos no IEM Katowice 2018, com 92,5% de relevância no ranking, e do Major de Atlanta, que conta com 74,9% de relevância, por ter acontecido antes.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.