Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Luffy é o campeão do Brussels Challenge de Street Fighter V. No primeiro Evento de Ranking da Europa, o jogador francês Olivier “Luffy” Hay conquistou o título e fechou com chave de ouro um torneio de total domínio europeu. Com a vitória, Luffy somou 150 pontos e pulou para a oitava colocação na classificação global da Capcom Pro Tour.

O confronto entre Europa e Japão

O torneio foi uma verdadeira surpresa para a comunidade. Grandes jogadores japoneses, como John Takeuchi e Goichi “Go1” Kishida, compareceram ao evento, mas não conseguiram superar a força dos jogadores europeus. Sendo eliminados ao longo do Top 8 pelo belga Houmaid “Takamura” Rabie e pelo sueco Elias “SaltyKid” Gasper, nem Takeuchi e nem Go1 conseguiram avançar para as primeiras colocações. E as esperanças japonesas ficaram nas mãos de Masato “Bonchan” Takahashi.

Derrotando os algozes de seus compatriotas, o jogador da Red Bull chegou até a final da chave de repescagem e teve de enfrentar o britânico Benjamin “Problem X” Simon, o melhor jogador da Europa em 2017. Surpreendemente, Bonchan começou a série perdendo as duas primeiras partidas, mas conseguiu se recuperar e virou a série, vencendo por 3 a 2 e chegando à grande final.

O derradeiro embate intercontinental

O duelo entre Luffy e Bonchan foi especialmente tenso. O japonês havia sido mandado para a chave de repescagem no início do Top 8 justamente pelo francês, com uma estonteante derrota por 3 a 0. Porém, após passar por toda a chave de repescagem, derrotar os maiores da Europa e chegar na grande final, Bonchan parecia querer manter a supremacia japonesa.

Jogador francês ficou famoso por utilizar controle clássico de Playstation 1. (Foto: Foto: Reprodução/Canal Esport Club)Jogador francês ficou famoso por utilizar controle clássico de Playstation 1. (Foto: Foto: Reprodução/Canal Esport Club)

Jogador francês ficou famoso por utilizar controle clássico de Playstation 1. (Foto: Foto: Reprodução/Canal Esport Club)

O japonês saiu na frente na primeira partida, mas acabou perdendo a segunda e tomou uma decisão inteligente: mudar seu estilo de jogo através da troca de personagens. Bonchan trocou o seu já clássico Nash por Karin, e usando a personagem japonesa, conseguiu arrancar mais uma vitória. O japonês acabou sendo derrotado novamente na sequência e, na partida derradeira, voltou para seu Nash e mostrou que a escolha foi acertada: ele conseguiu vencer Luffy e resetou a chave, levando a final para seu jogo derradeiro.

Porém, o choque da derrota parece ter feito bem a Luffy. Voltando para o confronto final de uma forma mais agressiva e completamente diferente, o francês conseguiu vencer três partidas em sequência. E, numa verdadeira releitura do primeiro embate entre os dois no torneio, Luffy venceu Bonchan por 3 a 0, derrubando o último japonês do campeonato e se sagrando campeão do primeiro evento de ranking europeu.

Próxima parada: Fighter’s Spirit

Por conta das novas regras implementadas, a quantidade de pontos conquistada em ranking events é bastante reduzida. Dessa forma, ainda que os pontos conquistados sejam contabilizados na classificação global, a importância maior dos ranking events está em estabelecer a classificação regional de cada região da CPT - especificamente, América Latina (LATAM), América do Norte (NA), Ásia (ASIA) e Europa (EU).

O próximo torneio da CPT 2018 será o Fighter’s Spirit, evento de ranking que ocorrerá na Coréia do Sul em 14 de abril. Valendo 150 pontos para a classificação global e para a regional (ASIA), o torneio sul-coreano deve atrair grandes nomes do continente: Naoki “Nemo” Nemoto, Li-Wei “Oil King” Lin e Seonwoo “Infiltration” Lee são alguns dos jogadores esperados no torneio. No entanto, as surpresas ficam por conta de Victor “Punk” Woodley e Kenneth “K-Brad” Bradley, atletas americanos que estão inscritos no torneio e que podem aparecer.

Confira o atual Top 10 da Capcom Pro Tour 2018:

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.