Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Bloodborne foi um game lançado para o PS4 em 2015, com exclusividade no console, que rendeu muitos elogios, graças a uma grande qualidade técnica, desafio de alto nível, além de história repleta de mistérios. Ainda que não tenha uma sequência anunciada, há boatos de que um novo capítulo esteja em produção, devido ao sucesso. O jogo também tem algumas curiosidades em sua história, que envolvem produção e produtos relacionados. Confira as principais curiosidades que envolvem o mundo dos caçadores:

Bloodborne Souls

Bloodborne foi produzido pela From Software, a mesma empresa que lançou a série Dark Souls e Demon’s Souls. Por conta disso ele também é considerado parte da “Série Souls”, ainda que não carregue o nome. Isto por conta da similaridade na jogabilidade e no alto nível de desafio. Ainda que não seja de forma oficial, os fãs deram apelidos como “BloodSouls” ou “Bloodborne Souls” para o game.

Bloodborne é um dos melhores exclusivos do PS4  (Foto: Divulgação/Sony)Bloodborne é um dos melhores exclusivos do PS4  (Foto: Divulgação/Sony)

Bloodborne é um dos melhores exclusivos do PS4 (Foto: Divulgação/Sony)

Morte no tabuleiro

Bloodborne tem um jogo de tabuleiro oficial. Pode parecer estranho, mas o game foi lançado pela editora Cool Mini or Not, grande no mercado de tabuleiros, com cartas e componentes como fichas para os jogadores e dados para ataques. O objetivo é o mesmo do videogame: coletar ecos de sangue e eliminar inimigos, até chegar no chefão. Ele é cooperativo até certo ponto, mas torna-se competitivo no sentido de que um jogador pode eliminar o outro, se quiser.

Caixa do tabuleiro de Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)Caixa do tabuleiro de Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

Caixa do tabuleiro de Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

Cenário vampiresco

O cenário de Bloodborne é uma grande cidade com aspecto gótico, escura, com caixões, monstros em cada esquina, pessoas vestidas de maneira elegante, mas ainda assim assustadoras. Mas de onde veio isso? Segundo os produtores, a inspiração mais clara foi nas histórias de Drácula, do escritor Bram Stoker, que também chegou a virar filme. Há ainda inspirações nos cenários, mas principalmente nos monstros, nos contos de horror H. P. Lovecraft, autor de O Chamado de Cthulhu, entre outras obras.

Bloodborne (Foto: Divulgação/From Software)Bloodborne (Foto: Divulgação/From Software)

Bloodborne (Foto: Divulgação/From Software)

Jogo diferente?

O primeiríssimo trailer de Bloodborne mostrava um game bem diferente do atual. Não em termos de design, que era basicamente o mesmo, mas de jogabilidade. Naquela época, Bloodborne parecia um pouco mais focado na ação, com movimentação linear pelo cenário, além de combates que lembravam jogos como God of War.

O primeiro Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)O primeiro Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

O primeiro Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

Game mais fácil

Há um bug em Bloodborne que, até hoje, não foi consertado, e permite deixar o jogo mais fácil – ao menos em teoria. Se você manter o game ligado, com o personagem parado no cenário por mais de 12 horas, é possível que ele diminua a dificuldade. Isso por conta da taxa de geração de inimigos, que para depois de determinado tempo. Ainda que 12 horas seja um pouco demais para esperar, é um meio de conseguir passar mais facilmente.

Bloodborne (Foto: Divulgação/Sony)Bloodborne (Foto: Divulgação/Sony)

Bloodborne (Foto: Divulgação/Sony)

Project Beast?

Você sabe o que é Project Beast? E se disser que é Bloodborne? Pois este era o nome do jogo, antes de ele receber um novo título. Quando a From Software anunciou o projeto, ele seria Project Beast, devido aos combates contra feras dos mais diversos tamanhos e ameaças. O nome mudou um ano depois do anúncio, para a versão definitiva.

Project Beast foi o primeiro nome (Foto: Divulgação/Sony)Project Beast foi o primeiro nome (Foto: Divulgação/Sony)

Project Beast foi o primeiro nome (Foto: Divulgação/Sony)

Bloodborne em quadrinhos?

Além do jogo de tabuleiro, Bloodborne também teve uma versão em outra mídia: os quadrinhos. No lançamento do game, a editora Titan Comics lançou quatro edições, que servem como prólogo para o enredo do jogo. Ao contrário do tabuleiro, porém, estas edições não chegaram a sair no Brasil e se encontram disponíveis apenas em inglês.

Quadrinhos de Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)Quadrinhos de Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

Quadrinhos de Bloodborne (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

O que você achou de Bloodborne? Comente no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.